Seed de mal para pior

Há uma revolta generalizada por parte de “todos” os servidores da SEED, com respeito a gestão da Secretária Miriam Correa, a mesma na opinião de numerosos servidores, não tem equilíbrio emocional. nem bom senso, nem competência, para exercer a função de Secretária da Educação.

Parece-me que Camilo errou feio, ao atender a indicação de Raquel, e colocar a Professora Miriam na Secretaria de Educação, apesar de eu não acreditar na classe política amapaense, sou ciente que, a Secretaria da SEED é uma Secretaria política, e o indicado para a função deveria ser alguém muito equilibrado emocionalmente, diplomata de bom senso, para aos poucos consertar o rombo e o despautério deixado pela administração Adauto Bitencourt.

E a professora Miriam no caso, deveria ser adjunta, ia ser menos mal.

Fui informado que a secretária iniciou uma verdadeira “caça as bruxas” na SEED, trata os servidores como se todos fossem marginais e cúmplices de Adauto.

Dizem que ingressou no Departamento contábil e se saiu com a seguinte pérola: “…estou aqui apresentando minha Coordenadora, quanto aos cargos deste setor, vou colocar aqui minha equipe, pois eu não trabalho com quadrilhas…”.

Tinham na sala, Funcionários graduados com mais de trinta anos de serviços prestados ao Governo. Um deles, possuidor de uma folha limpíssima, com mais de 30 anos de serviços prestados, ficou tão indignado pela ofensa, que faltou pouco para partir as vias de fato com a aloprada Secretária.

Ela iniciou uma perseguição generalizada a todo servidor que não seja filiado ao PSB, se eu conheço nosso Governador, acho que ele não compactua e nem concorda com essa postura totalmente antidemocrática.

Tornou-se uma questão de bom senso por parte do governo, a “exoneração” da desastrada Secretária, que esta com seu comportamento inadequado e incompatível com o cargo que ocupa, arranhando a imagem do governo.

Outra banalidade da Secretária Miriam é culpar por qualquer erro que a sua gestão comete os governos anteriores.

Um internauta mandou para ela um recado no Twitter da Secretaria: “Viva o presente e mostre o que você pode fazer (se é que pode fazer alguma coisa), será a melhor saída. Vivemos de presente e futuro, passado fica para museu”.

Como se pode ver, as trapalhadas da Secretária, já ultrapassaram os limites da Av. FAB.

Outra “genialidade” da Professora Miriam, foi enxotar a vendedora de lanches que há mais de 10 anos vende seus lanches aos servidores da Secretaria, inclusive os financia até o dia de pagamento. A Secretária diz que vai colocar uma cantina na SEED, até lá, se é que algum dia isso acontecer, os servidores ficam sem lanche.

É mole?

Da a impressão que antes de assumir o cargo, a Professora Miriam recebeu treinamento dos “famigerados” agentes do antigo e malfadado SNI.

Mantendo uma pessoa desse nível no cargo, o Governador Camilo esta municiando o Presidente da Assembléia (que “entrou no cargo pela janela), para atacar o Executivo.

Professor Rubens Caran
Mestre em Turismo – MBA em 3º Setor – Jornalista & Escritor

Deixe uma resposta