2º Festival de Cinema Curta Amazônia divulga seus premiados na edição de 2011


O Festival na edição de 2011 terminou depois de 7 dias de extensivas exibições de filmes regionais e nacionais, complementando a programação do evento houve  apresentação de performance teatral, música regional e nacional através de expressões do rock regional com a banda Beradelia, hip-hop da floresta com a comunidade Manoa de Porto Velho e, trazendo até o nosso estado, o grupo Inquérito que contribuiu em parceria com o evento desse ano com a “Campanha contra o alcoolismo”, com o videoclipe “Vamos brindar”.

Na avaliação da organização do evento, essa segunda edição do Curtamazônia se caracterizou por apresentar filmes em espaços públicos abertos em sua mostra principal. Foram contemplados através da criação do 1º Circuito de Exibição Social, dois municípios do interior de Rondônia, Candeias do Jamari e Cacoal  com 5 pontos de exibições, exibições simultâneas durante a semana.

O filme “PINBALL”, de Ruy Veridiano foi o grande vencedor dessa edição, levando a qualificação de melhor filme do Festival, além de melhor direção e ficção. Na escolha do público com votação popular quem levou o troféu Curtamazônia foi o filme “Depois do almoço”, de Rodrigo Diaz Diaz de São Paulo. Em Rondônia, o júri concedeu a título de prêmio incentivo aos alunos monitores da comunidade de Nova Mutum Paraná ao documentário “Depoimentos sobre o lixo” e a estreante diretora em produção audiovisual rondoniense  Luana Lopes levou o prêmio especial do júri. Confira todos os premiados dessa segunda edição abaixo:

 

CATEGORIA FILMES OU VÍDEOS DE CURTA-METRAGEM – UNIFICAÇÃO DE BITOLA.

Gêneros:

– Melhor Documentário: “O FALSÁRIO DE HITLER”, direção Vicente Moreno, produção de 2010, da cidade de Porto Alegre – Rio Grande do Sul.

– Melhor Animação: “TEMPESTADE”, direção Cesar Cabral, uma produção do ano de 2010 da cidade de Santo André – São Paulo.

– Melhor Ficção: “PINBALL”, direção Ruy Veridiano, produção de 2010, da cidade de São Paulo – SP.

– Melhor Ambiental: “AVES DO BRASIL CENTRAL”, direção Havita Rigamonti, produção de 2009, da cidade de Curitiba – PARANÁ.

– Melhor Experimental: “O LADO NEGRO DA LUA”, direção Yargo Gurjão, 2010, da cidade de Fortaleza – Ceará.

– Melhor Produção Amazônica: “RIBEIRINHOS DO ASFALTO”, direção Jorane Castro, produção de 2011, da cidade de Belém do PARÁ.

 

OUTRAS CATEGORIAS PARALELAS DA MOSTRA COMPETITIVA:

– Produção com máquina digital fotográfica: “NOVOS VELHOS”, direção Rafael Jardim, 2010, Bahia.

– Melhor produção com Celular: “(IN) FINITO PARTICULAR”, direção Nei Francisco, 2011, Rio de Janeiro.

 

NÃO HOUVE CLASSIFICAÇÃO:

– Melhor vídeoreportagem regional: NÃO HOUVE VENCEDOR

– Melhor vídeoreportagem nacional: NÃO HOUVE INSCRITOS

– Melhor webjornalismo: NÃO HOUVE INSCRITOS

CATEGORIAS TÉCNICAS:

1)  Melhor Roteiro: Samir Machado de Machado, do filme “Traz outro amigo também”, produção de 2010, da cidade de Porto Alegre – Rio Grande do Sul.

2)  Melhor Fotografia: Alziro Barbosa,  no filme “Tempestade”, da cidade de Santo André – São Paulo.

3)  Melhor trilha sonora: “Tempestade”, direção Cesar Cabral, de Santo André – São Paulo.

4)  Melhor montagem: Alberto Feoli – “Traz outro amigo também”, produção de 2010, da cidade de Porto Alegre – Rio Grande do Sul.

5)  Melhor direção de arte: Ana Enriques, “Traz outro amigo também”, produção de 2010, da cidade de Porto Alegre – Rio Grande do Sul.

6)  Melhor Ator: Guilherme Lobo, no filme “Eu não quero voltar sozinho”, produção de 2010, da cidade de São Paulo – SP.

7)  Melhor Atriz: Carla Cassapo, na participação no filme “Muita calma nessa hora”, produção de 2010 de Porto Alegre – Rio Grande do Sul.

8)  Melhor Direção: Ruy Veridiano, do filme “Pinball”, produção de 2010 da cidade de São Paulo -SP.

9) Melhor Filme ou Vídeo: “Pinball”, direção Ruy Veridiano, produção de 2010 de São Paulo – SP.

10) Melhor júri popular – “Depois do almoço”, direção Rodrigo Diaz de São Paulo.

11) Prêmio Especial do Júri – “Filhos da Ferrovia”, direção Luana Lopes de Porto Velho – Rondônia.

12) Prêmio Menção Honrosa – Paraíso Terrenal”, direção Tomás Welss de Santiago do Chile.

13) Prêmio Incentivo –  O vídeo documentário: “Depoimentos sobre o lixo”, produção de 2010, de Porto Velho – Rondônia, com direção Demisson de Sousa, Dionatan de Laia, Efai Rocha, Taíssa Arruda e Uenderson da Rocha – de Porto Velho – Rondônia.

Fonte: Assessoria.

 

Deixe uma resposta