Amazônia, Brasil, Denuncia, Política

Conselheiros do TCE do Acre ganham salários acima de 100 mil

A ex-professora e ex-deputada petista Naluh Gouveia está entre os conselheiros do Tribunal de Contas do Acre que recebem os menores salários. O total do salário dela é de R$ 33.764,66, sendo o valor líquido, após descontos, de R$ 18.702,64.

O contracheque da conselheira foi publicado no Facebook da repórter Angélica Paiva junto com o contracheque da conselheira Dulcinea Benício de Araújo, ex-advogada do PT, cujo salário bruto é de R$ 28.941,14. Ambas decidiram tornar público os valores dos salários baseadas na Lei de Acesso à Informação.

- Muito corajosa Naluh Maria Gouveia em deixar divulgar esse contracheque. Quebra alguns tabus de que o salário seria absurdo. Acho até injusto pela história de luta dela. Tem gente aí que nunca deu um prego numa barra de sabão ganhando quase isso ou mais – comentou a jornalista Lamlid Nobre, assessora do PT do Acre.

Mas foi o comentário do professor de ciências sociais Nilson Euclides da Silva, da Universidade Federal do Acre, que desagradou à ex-professora.

- Acho que a Naluh não lembra que um dia foi professora.

Consultada pelo blog, Naluh Gouveia fez um desabafo:

- É muito complicado tudo isso. Respeito os comentários, mas alguns doem, como aquele que eu já teria esquecido que fui professora. Ninguém fala dos votos. Eu eu era uma professora muito boa, exemplar. É um absurdo a relação salário mínimo com os nossos salários de conselheiros. Mas daí a colocar qualquer comentário sobre quando eu era professora é demais. Fui um exemplo de professora. Era a primeira que chegava e a última que saia. Implorava para fazermos greve. Quantas greves fizemos com 100 pessoas. Respeito todos os comentários, mas nada que questione minha postura como professora. Dói muito. Trabalhei muito com asma porque nunca gostei de faltar. No conjunto Tangará todo mundo sabe disso. Formada em letras, trabalhei nove anos nos bairros da baixada de Rio Branco. Ninguém queria ir para lá porque era o tempo dominado pelo traficante Marrosa. Por isso eu era a deputada mais votada na baixada. Na minha vida como professora, só coloquei um aluno, o Odair, para fora de aula uma vez. No outro dia, pedi desculpas a ele e à sua turma. Depois reencontrei o aluno na penal e passei a visitá-lo. Desculpa o desabafo. É que aceito tudo, pois não sou santinha e nunca fui. Tenho fraquezas e equívocos horríveis, mas mexer com minha vida de professora, não aceito. Nunca homem nenhum me ajudou a criar minhas filhas. E nenhuma delas trabalha no governo. Bobagem minha, Altino.

Bem, no Tribunal de Contas do Acre, existem conselheiros que ganham mais de R$ 60 mil. Um deles, aposentado, recebe mais de R$ 100 mil, além de ter mulher e filha com altos salários na corte. A sociedade espera que haja transparência naquela ilha de prosperidade e privilégios.

Autor: Altino Machado

Sobre Chico Terra

Está a venda ao preço de R$30 o CD duplo de música e fotografia do autor deste sítio, CHICOTERRA.COM na loja OnLine. A destinação dos recursos adquiridos são para a manutenção deste espaço gratuito e democrático. Acesse http://chicoterra.com/baiuca e adquira o seu.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 11.042 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: