Prefeitura de Macapá manda paralisar obras de saneamento da Zona Norte

O governo do Waldez Góes (PDT) deixou de utilizar 100 milhões em recursos para saneamento básico de Macapá e que somente agora estão sendo aplicados com Ruy Smith a frente da Companhia de água e saneamento do Amapá. Acontece que a prefeitura do PDT mandou embargar as obras que estão sendo realizadas na zona norte por absoluta falta de compromisso do prefeito Roberto Góes com a cidade que o elegeu. Eu chamo isso de burrice, porque as obras de saneamento em princípio são de responsabilidade da prefeitura. Roberto Góes não faz e não deixa fazer.(Chico Terra)

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: