Representante do Ministério da Saúde garante apoio ao Prefeito de Macapá para plano emergencial

O prefeito de Macapá, Clécio Luís, reuniu-se nesta segunda-feira, 18, com o supervisor de articulação de redes da Secretaria de Atenção à Saúde (SAS), órgão do Ministério da Saúde (MS), Luis Carlos Casarin, acompanhado das técnicas do MS, Rita Viana, Rosana Ballestero e Aliádine Souza.

No encontro, o prefeito e o titular da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Anderson Walter, explicaram aos representantes do Governo Federal sobre o estado de calamidade da Saúde em que Macapá se encontra. Os representantes do MS garantiram apoio ao Plano Emergencial, que visa o bom funcionamento das Unidades Básicas de Saúde (UBS’s).

Fortalecimento da Atenção Básica na rede de saúde de Macapá

A reunião contou ainda com a presença da subsecretária municipal de Saúde, Emília Pimentel, da coordenadora do programa Mulher Saúde da Semsa, Tânia Vilhena, além da equipe da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

“Com o apoio do Ministério da Saúde, reestruturaremos nossas UBSs e assim poderemos prestar atendimentos adequados à população. Precisamos captar o máximo de recursos federais para podermos desenvolver a Atenção Básica em Macapá”, salientou o secretário Anderson Walter.

Retomada de programas federais

Na ocasião, os representantes do MS discorreram sobre os programas federais nos quais o município pode captar recursos que possibilitarão um atendimento mais eficiente à população. Por sua vez, o prefeito garantiu se empenhar em retomar todas as políticas públicas do setor, para o aprimoramento da Atenção Básica de Saúde.

Cooperação

O supervisor de articulação de redes da SAS elucidou que o Secretário de Atenção à Saúde, Helvécio Magalhães, pediu prioridade para a capital amapaense. Luis Carlos Casarin enfatizou que levará a demanda da Saúde de Macapá, que consiste em material, medicamentos, estrutura física das UBSs, contratação de pessoal ao MS. Ele elogiou o empenho do prefeito e enfatizou que a intenção do Governo Federal é cooperar com a gestão de Clécio Luís.

“Vamos ajudar o prefeito de Macapá neste Estado de Emergência com todo o apoio possível, não só financeiro, mas técnico e institucional, para melhorarmos a situação caótica da saúde que o município enfrenta”, frisou Luis Carlos Casarin.

Empenho e realinhamento

O prefeito afirmou que a reunião foi importante para realinhar o município com o Ministério da Saúde. Clécio Luís destacou que se empenhará na retomada dos programas federais e ressaltou que o Plano Emergencial é a prioridade neste momento.

“Os programas federais são muitos e Macapá precisa dessas políticas públicas de saúde. As ações com o Governo Federal não estavam alinhadas com o município em diversas áreas da Atenção Básica. Além destas políticas duradouras, teremos a ajuda do MS para nosso Plano Emergencial que entregamos ao Ministério da Saúde”, explicou Clécio Luís.

Próxima reunião em Brasília

Ao final da reunião, foi acertada uma agenda, em Brasília (DF), entre o prefeito Clécio Luís, o Secretário de Atenção à Saúde, Helvécio Magalhães e o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, marcada para o final de fevereiro, quando serão alinhados os encaminhamentos debatidos neste primeiro encontro.

Elton Tavares – Asscom PMM

Deixe uma resposta

WhatsApp chat