CFM diz que 86 médicos estrangeiros já receberam registros

Dos pedidos apresentados, o prazo de entrega de 119 encerrou na última sexta-feira (21).
Dos pedidos apresentados, o prazo de entrega de 119 encerrou na última sexta-feira (21).

Levantamento feito pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) mostra que 86 registros provisórios foram entregues a médicos com diploma estrangeiro que vão atuar no Programa Mais Médicos. Segundo a entidade, 81% dos registros solicitados ainda estão dentro do prazo de entrega de 15 dias, estipulado pelo Ministério da Saúde.

Rio Grande do Sul, Pernambuco, Bahia, Paraíba e Ceará são os estados que já tem médicos estrangeiros registrados. De acordo com o CFM, os conselhos regionais (CRMs) informaram ter recebido 628 pedidos de registro provisório, número diferente do de médicos aprovados nas avaliações feitas pelo Ministério da Saúde, que apontavam para 671 médicos com diploma estrangeiro inscrito e aprovado pelo programa.
Dos pedidos apresentados, o prazo de entrega de 119 encerrou na última sexta-feira (21). Desses, 63 foram providenciados e 38 estão com pendências cadastrais, segundo o CFM, por não cumprimento de exigências do programa. Segundo nota do conselho, o número de documentos cobrados pode ser maior, já que a entidade não tem atualização online.
De acordo com os CRMs, os dossiês dos intercambistas foram entregues aos poucos, como ocorreu no Maranhão e no Amazonas, onde 102 pedidos foram protocolados nos conselhos dos dois estados entre os dias 9 e 23 de setembro. Com isso, a análise dos documentos deve ser concluída entre os dias 24 de setembro e 8 de outubro, conforme prazo estipulado.
Em nota, o CFM declarou que “o número de CRMs provisórios já emitidos poderia até ser maior se a coordenação do Programa Mais Médicos tivesse encaminhado os dossiês sem inconsistências, que exigirão ajustes, ou com maior antecedência”.
Agência Brasil

Deixe uma resposta