EUA espionaram 100 mil computadores no mundo

 A reportagem foi baseada em documentos revelados pelo ex-técnico da agência, Edward Snowden.

Batizado de "Quantum", o sistema acessava dados por um canal secreto de ondas de rádio transmitidas através de cartões USB instalados secretamente nos computadores. Foto: Divulgação
Batizado de “Quantum”, o sistema acessava dados por um canal secreto de ondas de rádio transmitidas através de cartões USB instalados secretamente nos computadores. Foto: Divulgação

Mais de 100 mil computadores de todo o mundo foram mantidos sob vigilância da Agência de Segurança Nacional (NSA, sigla em inglês) dos Estados Unidos, segundo o jornal “New York Times”.

A reportagem foi baseada em documentos revelados pelo ex-técnico da agência, Edward Snowden. A Agência teria usado a radiofrequência para vigiar computadores do Exército da China, das Forças Armadas da Rússia, da Polícia do México e dos cartéis do tráfico de drogas, de instituições de comércio da União Europeia e de países aliados na luta contra o terrorismo como Arábia Saudita, Índia e Paquistão.

Batizado de “Quantum”, o sistema acessava dados por um canal secreto de ondas de rádio transmitidas através de cartões USB instalados secretamente nos computadores.

Tribuna Hoje

Um comentário em “EUA espionaram 100 mil computadores no mundo

Deixe uma resposta