Escola Estadual Mário Quirino é uma das 20 que o governo inaugura em 2014

Estão em fase de acabamento os trabalhos de ampliação e reforma da Escola Estadual Mário Quirino da Silva, no bairro Congós, em Macapá. A unidade, que terá 23 salas de aula, já começou a ser coberta e a previsão é de que fique pronta para o início das aulas de 2014.

"Vai ser a escola mais bonita aqui dos Congós porque terá dois andares com uma escada linda e elevador para o pessoal que anda em cadeira de rodas", afirmou o carpinteiro Francisco Camarão, que há quatro meses trabalha na obra e valoriza a importância de estar empregado. "O governo desenvolve muitos trabalhos, é bom porque dá pra gente ganhar o pão de cada dia", completou.

A escola é grandiosa e, quando pronta, terá, além das 23 salas climatizadas que atenderão até 2.400 alunos, auditório com 130 lugares, laboratórios de ciência e de informática, biblioteca, sala de artes e todo setor administrativo. Dos quatro blocos que estão sendo construídos, dois terão dois pavimentos com elevador para cadeirantes.

Parte de escola está pronta, como a quadra coberta, cozinha, refeitório e o quarto bloco. Executados pela Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinf), os trabalhos agora se concentram na cobertura do bloco B, que recebe estrutura em madeira e telhas de barro.

Um dos destaques que a Mário Quirino terá é um inédito sistema de combate a incêndio com instalação de hidrantes. Com 25 trabalhadores no canteiro, o mestre de obras Ronaldo Batista disse que quando o serviço estiver no acabamento, mais 20 funcionários serão contratados. "Estamos terminando as últimas colunas do bloco B para finalizar a parte de concreto e ficar só na cobertura", enfatizou.

Com investimentos que ultrapassam R$ 5,1 milhões, a Zona Sul de Macapá ganhará uma escola totalmente reformada e ampliada até o mês março, data em que inicia ano letivo de 2014.

Deixe uma resposta