Comissariado da Infância alerta: cautela com a participação das crianças no Carnaval

As festas carnavalescas começaram na capital e a Vara da Infância e da Juventude de Macapá já iniciou os trabalhos de fiscalização. Preocupada com o bem-estar dos menores, a equipe do Comissariado traçou uma estratégia de ação para aplicar, com rigor, as normativas estabelecidas pelo Estatuto da Criança e do Adolescente até a quarta-feira de Cinzas.

Segundo informações do comissário de Justiça, José Casemiro de Souza, desde que acompanhada dos pais ou responsáveis e estes com posse dos documentos pessoais, crianças e adolescentes poderão participar dos festejos.

"A criança está em formação física e psicológica, por isso é de fundamental importância se ter consciência e bom senso. Não se pode expor um menor sem se importar com as consequências disso. É necessário preservar a criança e o adolescente quando se opta em participar de eventos como o Carnaval. É fundamental estar atento aos locais e horários nos quais o menor estará presente", orienta.

As fiscalizações serão feitas em bares, boates, bailes, blocos de rua, além do Sambódromo de Macapá, durante os desfiles das escolas de samba.

A participação de crianças nas apresentações das agremiações vinculadas à Liga Independente das Escolas de Samba do Amapá (Liesap) deverão estar com autorização expedida pela Vara da Infância e da Juventude de Macapá.

O Comissariado da Infância recomenda aos pais e responsáveis a saírem de casa com os menores identificados, com nome e telefone de contato.

Além de Macapá, as varas dos municípios de Laranjal de Jari e Oiapoque já normatizaram a participação dos menores nas programações carnavalescas.

Serviço

Dúvidas podem ser esclarecidas pelos números (96) 33-124560 e 0800-2851777. O Comissariado da Infância e da Juventude funciona das 7h30 às 15h30 e das 15h30 às 17h30, no Fórum de Macapá.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: