PF investiga exploração ilegal de ouro em Pontes e Lacerda (MT)

garimpoO município de Pontes e Lacerda (MT) passa po rinvestigação da Polícia Federal (PF) devido a exploração ilegal de ouro. Policiais civis, um oficial militar e um senador são alvos da investigação. Eles estão entre os suspeitos de envolvimento na organização criminosa especializada na extração, e no comércio de ouro no garimpo ilegal em Pontes e Lacerda.

A operação cumpre dez mandados de prisão, 30 de busca e apreensão, e cinco mandados de condução coercitiva, que é quando uma pessoa é encaminhada para prestar depoimento.

De acordo com a Polícia Federal, os agentes públicos envolvidos são conhecidos pela população local, muitos deles lotados na delegacia de Polícia Civil em Pontes e Lacerda, e região. Ele se valiam da qualidade de policiais para manter o domínio das atividades ilícitas no garimpo usando intimidações, inclusive o uso de armas de fogo.

Os envolvidos vão responder pelo crimes de organização criminosa, extração e comércio de matéria-prima pertencente a união sem autorização legal, execução de lavro, extração de recursos minerais sem autorização. As penas máximas somadas podem chegar há 20 anos de prisão.

EBC

Deixe uma resposta

WhatsApp chat