Desclassificáveis apresenta Kayeb – Na Pegada da Cobra Grande na XII Aldeia de Artes Sesc Povos da Floresta

O teatro amapaense terá espaço garantido na programação da XII Aldeia de Artes Sesc Povos da Floresta. Entre as atrações está a produção “Kayeb – Na Pegada da Cobra Grande”, uma leitura do Desclassificáveis Movimento sobre a lenda da cobra grande. A peça retrata uma tribo de índios albinos, isolados e nômades, que compõe uma Amazônia futurista e quase inexistente devido às ações do homem branco. A apresentação será às 15h da terça-feira (23) no Salão de Eventos do Sesc Araxá.

 

O mito da Cobra Grande e suas diferentes versões do universo étnico dos índios provenientes das nações Karipuna, Palikur e Galibi-Marworno compõem imaginário de Kayeb, que se entrelaça com a origem dos rios, lagos, montanhas e formações geológicas estranhas. A adaptação da Cosmologia dos Povos Indígenas do Uaça e baixo Oiapoque do estado do Amapá ganha vida na proposta dirigida e escrita por Paulo Alfaia, líder do movimento Desclassificáveis.

 

Após apresentações no Aldeia, o grupo Desclassificáveis apresentará Kayeb também no dia 23, às 16h30, na Escola Nancy; no dia 25 (quinta-feira) na Escola Zolito Nunes, em dois horários: 9h30 e 16h; e no dia 27 (sábado) no Ação Global, com lugar e horário a definir.

Ficha Técnica:

Direção e Dramaturgia: Paulo Alfaia.

Elenco: Adalton Baia, Ana Paula Vilhena, Hugo Borsantos, Jhou Santos, Jubson Blada e Kayke Sampaio.

Designer Gráfico: Gabriela Marques.

Figurino: Jubson Blada.

Concepção de Luz e Iluminação: Jonh Brennon.

Cenografia: Junior Coêlho.

Contra Regra: Henrique Flores e Wylly Garçon.

Sonoplastia e Direção Musical: Otto Ramos.

 Fotografia e Produção de Vídeo: Gabriela Marques

Comunicação e Divulgação: Rita Torrinha.

Consultoria Artefatos, Instrumentos Musicais e Simbologia Indígenas: Davi Marworno. Realização, Produção, Preparação Corporal e Vocal: Movimento Cultural Desclassificáveis.

 

Rita Torrinha – Assessoria de Imprensa

Deixe uma resposta