Deputado ruralista usa informações falsas sobre indígenas, meio-ambiente e demarcação de terras

Em entrevista para o site do serviço alemão Deutsche Welle no último mês, o presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputado federal Nilson Leitão (PSDB-MT), utilizou pelo menos quatro informações inverídicas. A conclusão foi divulgada recentemente pelo site Congresso em Foco, do Uol, que expôs suas declarações ao Truco – projeto de fact-checking da Agência Pública. Na publicação estrangeira, veiculada no último mês, ele ataca a legislação ambiental, defendeu o agronegócio e elogia as reformas do governo Michel Temer (PMDB).

De acordo com o Congresso em Foco, o chefe da bancada ruralista também minimizou protestos indígenas contra perda de direitos e invasões de terras e criticou demarcações. Segundo Leitão, manter a floresta em pé é um custo pago pelos produtores rurais, que deveria ser recompensado. Assim, seguindo a metodologia do projeto, o parlamentar foi procurado para informar as fontes das afirmações, tendo respondido prontamente aos questionamentos.

As justificativas, enviadas pela assessoria de imprensa da FPA, foram incluídas nas checagens.

Veja matéria completa no site Olhar Direto

Deixe uma resposta