Prefeitura de Macapá aguarda reparos em perfurações deixadas pela Caesa para manutenção de vias

Por toda a cidade é comum vermos perfurações nas ruas e avenidas causadas por vazamentos de água ou reparos não concluídos pela Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa). Além do desperdício, os buracos aumentam a falta de mobilidade de quem passa pelas vias. Desde o início do ano, a Prefeitura de Macapá solicita à Caesa a manutenção dos trechos e a execução da compactação e recapeamento asfáltico, porém, em diversos bairros, o problema persiste.

“Entramos em contato com a Caesa, mas eles nos alegaram que não têm material para a execução do serviço, que é de responsabilidade deles. Por isso, a secretaria vem solicitando à Companhia os reparos nos trechos com vazamentos para que possamos fazer a correção asfáltica”, explica o secretário de Obras, Emílio Escobar.

Na semana passada, a Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura Urbana (Semob), responsável pela manutenção de ruas e avenidas, trabalhou na correção da Rua Leopoldo Machado, no trecho entre as avenidas Henrique Galúcio e Ataíde Teive, no bairro Trem.

“O trânsito aqui é difícil. A rua já é muito movimentada, e com apenas um lado da pista sendo utilizada ficou complicado andar por aqui. Fora isso, antes do reparo, ficou aquela poeira, que atrapalhava toda a visão de quem passava”, relata a vendedora Marina Matos, sobre a situação causada pela manutenção da Companhia na última semana.

Até sexta-feira, 22, a Semob programa reparos em trechos como na esquina da Avenida Pedro Baião com a Rua General Rondon, no bairro Central; e Clodóvil Coelho, no Buritizal.

Márcia Fonseca

Deixe uma resposta

WhatsApp chat