Município reaviva memória de Duque de Caxias com revitalização de praça

Luís Alves de Lima e Silva, o Duque de Caxias, apelidado de “O Pacificador”, é patrono do Exército Brasileiro e dá nome à praça localizada no bairro Alvorada, restituída pela Prefeitura de Macapá e entregue à comunidade durante solenidade nesta quinta-feira, 8. Para o prefeito Clécio Luís, muito mais que a entrega de uma obra, o momento representa o resgate da história do município.

“Passamos um bom tempo pisando na história da nossa terra. Por isso, entregas como esta são feitas para restituir a história da nossa terra. A praça fez parte da história e tem um grande valor simbólico. Não adianta inaugurar um prédio físico sem que ele tenha sentido, precisamos reavivar a nossa memória”, disse Clécio.

Há 23 anos como morador do bairro, Ricardo Ferreira conta como o espaço esteve por muitos anos, abandonado. Segundo ele, por conta disso, era local para pontos de assaltos e roubos. “Observávamos isso aqui como algo perdido. Às vezes, juntávamos e fazíamos um mutirão de limpeza, mas não era o suficiente. Por isso, tivemos a ideia de pedir junto ao Município a revitalização da praça”, expressou.

A intenção de cuidar da praça e o pedido de revitalização chegaram junto ao Município pelas mãos do presidente da Confraria Boinas Rajadas, 3ª sargento do Exército, Manoel Garcia, que propôs assumir junto com o comando do 34º BIS a responsabilidade do local. “Tivemos a ideia de pedir a reforma da praça, mas, acima de tudo, assumir como padrinhos o cuidado com o local. E será com muito orgulho e amor que faremos. Que isso seja exemplo para outras entidades de Macapá, para que ela volte a ser denominada cidade joia da Amazônia”, relatou.

Como forma de integrar Exército e comunidade, o comandante da 22ª Brigada de Infantaria de Selva, o general Luiz Gonzaga Viana Filho, garantiu que no espaço da praça serão desenvolvidas atividades lúdicas, de esporte e saúde. “Essa iniciativa tem uma amplitude muito maior, pois resgata a cidadania de todos nós. Por isso, apoiaremos a prefeitura sempre com apresentações da banda de música, campanhas para terceira idade e muito mais, uma forma de vivificar a praça”, garantiu.

As obras, coordenadas pela Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura Urbana (Semob), teve o valor de cerca de R$ 80 mil, com recursos oriundos do Tesouro municipal. O serviço contou com o trabalho integrado das secretarias de Desenvolvimento Econômico, Manutenção Urbanística e Meio Ambiente. “É uma satisfação entregar mais esse compromisso que nos foi delegado. Esta já é a sétima praça que revitalizamos. E já planejamos ações nas praças Equinócio e Barão, sempre com a participação de outras secretarias, num trabalho integrado”, salientou o secretário de Obras, Emílio Escobar.

No local, foram realizados os serviços de colocação de piso tátil e rampas de acesso para auxiliar o deslocamento de pessoas com deficiência, recuperação de peças em madeiras dos bancos existentes, revisão da rede elétrica dos postes externos e internos, recuperação da laje, com impermeabilização, reposição de gramas na área interna, recuperação do chafariz com instalação de novas bombas e pintura do piso.

A solenidade de entrega contou ainda com a apresentação da Banda de Música do Exército e com a presença do comandante de Fronteira do Amapá e 34º Batalhão de Infantaria de Selva (BIS), tenente-coronel Gilson de Souza, secretários municipais, os vereadores Diogo Sênior, Raifran Beirão, Grilo, Gian do NAE e professor Rodrigo; a secretária Maraína Martins e Joziel Alcolumbre, representando o senador Davi Alcolumbre, e o empresário Glauco Cei.

Márcia Fonseca

Deixe uma resposta