MT é responsável por 72% do desmatamento na Amazônia legal

Aline Almeida

Levantamento do Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon) aponta que Mato Grosso foi responsável por 72% do desmatamento na Amazônia Legal. Os dados fazem parte do boletim do desmatamento e são referentes ao período de fevereiro de 2018. Em proporção, o Estado desmatou 154 quilômetros. Ao todo, foram detectados 214 quilômetros quadrados de desmatamento na Amazônia Legal.

Segundo o Imazon, em fevereiro de 2018, o desmatamento ocorreu no Mato Grosso (72%), Roraima (23%), Pará (3%) e Rondônia (1%).

Não houve detecção de degradação florestal em fevereiro de 2018.O levantamento mostra ainda que a maioria (89%) do desmatamento ocorreu em áreas privadas ou sob diversos estágios de posse. O restante do desmatamento foi registrado em Assentamentos de Reforma Agrária (9%), Terras Indígenas (1%) e Unidades de Conservação (1%).

Os números mostram ainda um aumento do desmatamento comparando os períodos agosto de 2016 a fevereiro de 2017 e agosto de 2017 a fevereiro de 2018. No primeiro período em Mato Grosso foram 348 quilômetros de desmatamento. Já no segundo período o número foi para 407, um aumento de 17%. Somando todos Estados da Amazônia Legal, houve uma redução de 14% em comparação com os dois períodos citados. No primeiro foram 1.267 quilômetros desmatados e 1.091 no segundo.

Veja mais no site Folhamax

Deixe uma resposta

WhatsApp chat