Junior Favacho manda ofício ao MP concordando com a redução da verba indenizatória dos deputados do Amapá

Com o afastamento do deputado Moisés Souza do cargo de presidente da Assembléia Legislativa do Amapá por decisão da justiça, o deputado Junior Favacho, respondendo pela presidência da ALAP, enviou ofício concordando com a redução da verba indenizatória que é atualmente R$ 50 mil, para 75% daquela recebida pelos deputados federais, o que daria algo em torno de 24.422,00.

A medida moralizadora, visa atender recomendações do Ministério Público, mas acima de tudo é um clamor da sociedade que assiste estupefata uma série de escândalos que trouxeram à tona vários esquemas criminosos dentro daquela casa legislativa, resultantes de investigações da Operação Eclésia em curso no MP.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.