Discurso perdido mostra que Steve Jobs previu iPad em 1983

Um recém-descoberto discurso proferido por Steve Jobs em 1983, durante uma conferência de design em Aspen, Estados Unidos, revela que o então CEO da Apple já tinha em mente algumas das inovações digitais que se tornaram realidade do futuro. Segundo o CNET, Jobs falou sobre redes de conexão, reconhecimento de voz, e sobre um “computador em forma de livro que você poderá carregar por aí” – ou seja, algo muito semelhante ao iPad, que viria a ser lançado pela companhia 27 anos depois.

Na ocasião, o cofundador da Apple ainda disse ao público que o “livro-computador” teria um “link de rádio” que possibilitaria comunicação sem a necessidade do dispositivo estar ligado a qualquer outra coisa. Isso em um tempo no qual a população não costumava interagir sequer com desktops.

Conforme o CNET, a gravação, até então desconhecida, foi divulgada nesta quarta-feira pelo blogueiro Marcel Brown, do site Life, Liberty and Technology. O registro, feito em uma fita K-7, data de 15 de junho de 1983.

Brown aponta diversos pontos do discurso de Jobs como visionários, a exemplo da passagem em que ele mencionou que os computadores se tornariam tão rápidos, que seria como mágica. O blogueiro crê que não seja coincidência que, anos mais tarde, o CEO da Apple tenha se referido ao iPad como “mágico”.

Nesta conferência de 1983, Jobs também sinalizava que, em alguns anos, as pessoas passariam mais tempo interagindo com computadores pessoais do que com carros. Para Brown, hoje isso parece óbvio, mas em 1983 não era algo fácil de imaginar – assim como computadores se consolidando como novos e importantes meios de comunicação, o que Jobs também previu na ocasião, ainda que ele falasse mais especificamente de e-mails.

Foto: Norman Seef

O “link de rádio”, já mencionado, foi uma espécie de visão sobre o que viria a ser a tecnologia wireless. No discurso em questão, Jobs abordou a possibilidade das pessoas acessarem seus e-mails e outras informações de qualquer lugar – mesmo que ainda faltasse 20 anos para o início da era da computação móvel.

Brown ainda destacou que, durante sua fala, Jobs citou um experimento do Massachusetts Institute of Technology (MIT) que soou como algo muito parecido com o Google Street View.

Terra

Deixe uma resposta