Festcineamazônia anuncia os filmes da décima edição

51 produções foram selecionadas entre os mais de 350 filmes inscritos

O Festival Latinoamericano de Cinema e Video – Festcineamazônia anuncia nesta segunda-feira (15/10) os filmes selecionados para concorrer na mostra competitiva de curta-metragem e reportagem ambiental. São 51 produções cinematográficas de todas as regiões do Brasil e da América do Sul que concorrem nas categorias de animação, ficção, documentário e experimental. Mais de 350 filmes foram inscritos nesta décima edição do festival. O evento será realizado do dia 6 a 10 de novembro, em Porto Velho.

Os filmes selecionados para mostra foi feita por Alexandre Guerreiro, mestre em Comunicação pela Universidade Federal Fluminense (UFF), graduado em Cinema pela UFF e em História pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ). Produtor cultural e curador de mostras como O Cinema de Eric Rohmer, Godard 80, O Cinema de Carlos Saura, O Rio de Janeiro Segundo o Cinema, é também idealizador do Cineducando – Festival de Cinema e Educação.

Outro jurado foi o jornalista, editor e diretor de TV e cinema, Délcio Teobaldo. Produziu, dirigiu, narrou os documentários: Série “Cantos de fé, de trabalho e de orgia”: “Morre congo, fica congo”; “Ladainhas – Rezas e outros ofícios de fé e de cura”; “Cantos de Calamboteiros”; “Rio de Janeiro Sagrado”, de Rosane Santiago; “Tomio Kikuchi – Percepção Palavra Potência”; “Laene Teixeira Mucci – Terra Tempo Poesia”; “Perfume de Gardênia”; “Revelando São Paulo – Um encontro de fé e folia”; “Caçambada Cutuba – A história que Rondônia não escreveu”.

Também participou da pré-seleção dos filmes, o editor audiovisual, arte e tecnologia Pablo Ribeiro que tem no currículo vários trabalhos no cinema, na televisão e na música, como o documentário “Raul Seixas – O Início, O Fim e o Meio”, “Alô, Alô Terezinha”, o filme “Budapeste”, o programa Esquenta da Regina Casé (TV Globo) entre outros.

O Festcineamazônia se consagrou como o maior festival de audiovisual da região, integrando o circuito nacional de festivais de cinema e vídeo. O festival tem o patrocínio do BNDES, Governo Federal, Ministério da Cultura através da Lei Rouanet, Secretaria do Audiovisual, apoio cultural do Centro Técnico Audiovisual – CTAv e Governo de Rondônia através da Secretaria dos Esportes, da Cultura e do Lazer – SECEL.

Veja abaixo a lista dos filmes selecionados e o currículo dos jurados da pré-seleção.

Jurados da pré-seleção

Alexandre Guerreiro

Atua como professor na Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro – SEEDUC-RJ há 14 anos. Produtor cultural e curador de mostras como O Cinema de Eric Rohmer, Godard 80, O Cinema de Carlos Saura, O Rio de Janeiro Segundo o Cinema, é também idealizador do Festival de Cinema e Educação – Cineducando. Dirigiu, entre outros, o curta Adro da Candelária (Troféu Jangada de Melhor Filme / prêmio OCIC, no Festival Guarnicê, em 2007) e Os Donos da Morte (Melhor Diretor Estreante na Mostra Curta Cinema 2002). Coordena a Mostra Competitiva do Araribóia Cine – Festival de Niterói e integra a equipe do Cinema e Educação – CINEDUC, pelo qual ministra oficinas para professores.

Délcio Teobaldo

É escritor, jornalista, documentarista, etnomusicólogo, produtor, roteirista, editor e diretor de TV e cinema. Produziu, dirigiu, narrou os documentários: Série “Cantos de fé, de trabalho e de orgia”: “Morre congo, fica congo”; “Ladainhas – Rezas e outros ofícios de fé e de cura”; “Cantos de Calamboteiros”; “Rio de Janeiro Sagrado”, de Rosane Santiago; “Tomio Kikuchi – Percepção Palavra Potência”; “Laene Teixeira Mucci – Terra Tempo Poesia”; “Perfume de Gardênia”; “Revelando São Paulo – Um encontro de fé e folia”; “Caçambada Cutuba – A história que Rondônia não escreveu”.

Escreveu, produziu e dirigiu para a TV: “Na Pele” (Art-Vídeo/TVE Rede Brasil, 2001); “Infância Limitada”, terceira classificação na BBC de Londres e prêmio de melhor direção (TVE, 2002); “Atitude.com”; “Supertudo”, TVE/RJ; “A vida é um show”, “Conversa Afinada”, “Bossa Sempre Nova” e “Cena Musical”, “Samba na Gamoba”, “Musicograma” (TV Brasil); “Mojubá” (Canal Futura).

Pablo Ribeiro

É montador, editor audiovisual, músico, arte e tecnologia. Está trabalhando no filme “Brincante”, direção Walter Carvalho, em andamento, e o documentário “Filme de Cinema”, em estreia prevista para 2013.

Trabalhou no documentário: “Raul Seixas – O Início, o Fim e o Meio”, direção Walter Carvalho, na ficção: “Budapeste”, com direção Walter Carvalho, “Alô Alô Terezinha”, direção Nelson Hoineff, “Moacir Arte Bruta”, direção Walter Carvalho. Esquenta! da Regina Casé – TV GLOBO – Temporada 2012. Nomes da Moda (Série) – direção Lao Andrade – Fashion TV, 2011. O Nordeste de Ariano Suassuna – Andanças, histórias e Poesias, Sesc / Canal Brasil, direção Walter Carvalho, 2011.

Lista dos filmes selecionados

FILME/VÍDEO DIREÇÃO CATEGORIA ESTADO
SILENCIO ALBERTO BELLEZIA / CID CÉSAR AUGUSTO DOCUMENTÁRIO RJ
PROIBIDÃO LUDMILA CURI E GUILHERME ARRUDA DOCUMENTÁRIO RJ
CICLO MARCELO GALVÃO FICÇÃO SP
JAÇANÃ E O ADONIRAN ROGÉRIO NUNES DOCUMENTÁRIO SP
DI MELO – O IMORRÍVEL ALAN OLIVEIRA E RUBENS PÁSSARO DOCUMENTÁRIO PE
LINEAR. AMIR ADMONI ANIMAÇÃO SP
L THAIS FUJINAGA FICÇÃO SP
A GALINHA QUE BURLOU O SISTEMA QUICO MEIRELLES FICÇÃO SP
QUANDO O CÉU DESCE AO CHÃO MARCOS YOSHI FICÇÃO SP
O FIM DO FILME ANDRÉ DIB FICÇAO SP
O CANGACEIRO MARCOS BUCCINI ANIMAÇÃO PE
VISÕES DA FLORESTA VICENTE RIOS DOCUMENTÁRIO GO
ANTES QUE O VERÃO ACABE MARÍLIA NOGUEIRA FICÇÃO MG
UMA, DUAS SEMANAS FERNANDA TEIXEIRA FICÇÃO RJ
INVISÍVEIS ANDERSON FREGOLENTE FICÇÃO PR
ARTISTAS NO CENTRO SIMONE ELIAS DOCUMENTÁRIO SP
ACORDA POVÃO JOAO GABRIEL FICÇÃO BA
ISSO NÃO É O FIM JOAO GABRIEL FICÇÃO BA
MATINTA FERNANDO SEGTOWICK FICÇÃO PA
NIGERIA FIM DA LINHA ELDER FRAGA FICÇÃO SP
DESFRONTEIRA THIAGO BRIGLIA DOCUMENTÁRIO SP
FEIJOADA COMPLETA ANGELO DEFANTI FICÇÃO RJ
RATTUS RATTUS ZÉ BRANDÃO ANIMAÇÃO RJ
EU NUNCA DEVERIA TER VOLTADO EDUARDO MOROTÓ, MARCELO MARTINS SANTIAGO E RENAN BRANDÃO EXPERIMENTAL RJ
DULIA MARIANA MUSSE E TOMYO COSTA ITO DOCUMENTÁRIO MG
VESTIDO DE LAERTE CLAUDIA PRISCILLA E PEDRO MARQUES FICÇÃO SP
FUNERAL À CIGANA FERNANDO HONESKO FICÇÃO SP
BARBEIROS LUIZ FERRAZ E GUILHERME AGUILAR DOCUMENTÁRIO SP
NOITE PERDIDA FILIPPO CAPUZZI LAPIETRA FICÇÃO SP
A DESCOBERTA RNESTO MOLINERO FICÇÃO BA
KOPECK JAIME LEMER FICÇÃO RS
UM DIÁLOGO DE BALLET FILIPE MATZEMBACHER E MARCIO REOLON DOCUMENTÁRIO RS
O CÉU NO ANDAR DE BAIXO LEONARDO CATA PRETA ANIMAÇÃO MG
MÁSCARA NEGRA RENE BRASIL FICÇÃO SP
SUEÑOS EM LA FRONTERA EDINÉS SILVA DE ARAUJO (BRASIL) MAYRA CÁDIZ ARGANDOÑA (BOLIVIA)RENATO CASTRO DE ALNUIDO (BRASIL) PATRICIA PERALES YABAR (PERÚ) DOCUMENTÁRIO PERU
O CASAMENTO DE MARIO E FIA PAULO HALM FICÇÃO RJ
COWBOY TARCISIO LARA PUIATI DOCUMENTÁRIO RJ
O PAU DA BANDEIRA FILIPI WECESLAU E AUGUSTO PESSOA DOCUMENTÁRIO PB
MBYÁ REKO PYGUÁ, A LUZ DAS PALAVRAS. KATIA KLOCK E CINTHIA CREATINI DA ROCHA DOCUMENTÁRIO SC
ANGELI 24HS BETH FORMAGGINI DOCUMENTÁRIO RJ

CATEGORIA – VIDEO REPORTAGEM AMBIENTAL

FILME/VÍDEO DIREÇAO ESTADO/PAÍS
NO RUMO DO UÇÁ. WLADYMIR LIMA AL
MEDIÇÃO EXATA DO PICO DA NEBLINA. ORLANDO JUNIOR AM
O NOVO GARIMPO JOEL TEIXEIRA MT
TARTARUGAS DA AMAZÔNIA. PAULO PAIXÃO AM
OURO PARAIBANO. WENDELL RODRIGUES PB
BOMBA-RELÓGIO. LUDMILA CURI E NATANAEL DAMASCENO RJ
FAÇO DIFERENTE: UM INVENTOR DE MÃO CHEIA WENDELL RODRIGUES PB
SÉRIE ÁGUA CARLOS ALBERTO MARTINS DA ROCHA PR
A MAIOR PRAIA DO MUNDO “ORIGEM, PIRATARIAS E NAUFRÁGIOS PENA CABREIRA RS
FIM DO MUNDO – O POVO DO SILÊNCIO PAULO NASCIMENTO, VOLTAIRE DANCKWARDT / LEONARDO MACHADO RS
GUARDIÕES DA AMAZÔNIA JEAN CARLA COSTA RO

www.cineamazonia.com

Deixe uma resposta