Aprovada na CCT emenda que dispõe R$150 milhões para pesquisa na Amazônia

Por Aline Guedes

A Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática do Senado (CCT) aprovou na sessão desta quarta-feira, 28/11, emenda do senador João Capiberibe (PSB/AP) ao PL 024/2012 do Congresso Nacional, que dispõe R$72 milhões para atração e fixação de pesquisadores na Amazônia. A emenda de Capiberibe, somada à dos senadores Flexa Ribeiro (PSDB/PA) e Eduardo Braga (PMDB/AM) chega a R$150 milhões.

Os recursos serão aplicados no desenvolvimento de pesquisas científicas e tecnológicas, bem como criar condições para um ciclo de desenvolvimento baseado na inclusão social e no uso sustentável de recursos naturais.

Capiberibe deixou claro seu empenho por resultados práticos pelo desenvolvimento da ciência, da pesquisa e da pós-graduação na Amazônia, durante a realização do Fórum de Reitores das Universidades da Região, ocorrido no dia 28 de agosto, em Brasília. Naquela ocasião, os reitores apresentaram seus anseios, dentre os quais se destacam: a necessidade de a pesquisa passar a ser considerada investimento; ampliação das bolsas de pesquisa (tanto em número quanto em valores); a instituição de bolsas de fixação, para manter os pesquisadores; a elaboração de uma política da ‘Amazônia para a própria Amazônia’, com uma maior integração entre os agentes locais.

João Capiberibe reclamou da desigualdade no acesso ao conhecimento e disse que são insuficientes os investimentos em pesquisa para o desenvolvimento da Região. “Dos 81.725 pesquisadores doutores do Brasil, existem apenas 3.877 na Amazônia. Em 2010, a União investiu R$ 959 milhões em bolsas de estudos no País e no exterior, e, deste total, apenas R$ 36 milhões, ou 3,7%, na Região Norte. É como se não existíssemos!” – afirmou.

Para o senador, “as universidades têm papel decisivo nas sociedades e podem ter papel decisivo também na construção de um projeto amazônico encaixado na realidade do País”. Capiberibe comemorou a aprovação da emenda pela CCT e ressaltou que isto ajudará a mudar o quadro atual, de poucos investimentos.

Aline Guedes

Senado Federal

CEP.: 70165-900 Brasília – DF

Telefone: + 55 (61) 3303-9015

“Antes de imprimir, pense em seu compromisso com o Meio Ambiente.”

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: