Sebrae e CRAM capacitam mulheres vítimas de violência

O Curso Arranjos e Decoração Natalina realizado, considerado pelas alunas, fundamental para o resgate da autoestima e geração da renda familiar, trabalha a montagem de árvores de natal em miniatura e guirlandas, através do reaproveitamento de materiais como tecidos e adornos natalinos

Lívia Almeida

O Sebrae no Amapá em parceria com o Centro de Referência em Atendimento à Mulher (CRAM) acaba de capacitar cerca de 20 mulheres no Curso Arranjos e Decoração Natalina”, ministrado pela artesã, Kátia Silene.

O público alvo foram mulheres vítimas de violência, que são atendidas pelo CRAM. De acordo com a diretora do órgão, Sandra Cardoso, “o resultado do curso é muito positivo porque além dos atendimentos de rotina oferecidos às usuárias do Centro, nós achamos importante que elas possam fazer cursos que lhe propiciem uma renda, que produzam algo e rompam o ciclo da violência” disse.

A montagem de árvores de natal em miniatura e guirlandas, através do reaproveitamento de materiais como tecidos e adornos natalinos resultam em belos trabalhos, como o da aluna Ciléia Pereira. Frequentadora do CRAM há um ano, Ciléia relata que esta capacitação é um ganho em sua vida, tanto no âmbito profissional, quanto no âmbito pessoal, “este curso me trouxe um ganho a mais na área de artesanato, aprendi bastante. É sempre bom aprender, sem contar que estes cursos me ajudam muito a ocupar a mente”, declara.

Sandra Cardoso, diretora do CRAM, considera que a parceria com o Sebrae oportuniza melhoria e qualidade de vida à estas mulheres, “é de fundamental importância a incorporação destas oficinas do Sebrae, porque por meio, dessas parcerias nós conseguimos modificar a vida destas pessoas e direcioná-las ao mercado de trabalho”, finaliza.

O Curso de Arranjos e Decoração Natalina aconteceu no período de 26 a 30 de novembro, no CRAM, localizado na Rua São José, esquina com a Avenida FAB, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

Deixe uma resposta