Pagamento de servidores efetivos da PMM começa a ser liberado pelo prefeito Clécio

O prefeito Clécio Luis autorizou hoje, 3, a correção do processo administrativo que atualiza o pagamento de professores e servidores do quadro de apoio da educação, que têm conta no Banco Bradesco. Esta ação é resultado do esforço do Comitê de Emergência, que está identificado pontos críticos na administração para começar a buscar soluções. O salário já está disponível na referida agência bancária para 1.879 servidores.
De acordo com o secretário Municipal de Finanças, Paulo Mendes, o levantamento prévio apontou que servidores efetivos que recebem nos bancos Bradesco, Unibanco e Itaú, professores, Câmara de Vereadores, contratos administrativos e cargos de confiança, não tiveram seus pagamentos atualizados em dezembro. A quantidade exata do número de servidores com quem a PMM está em débito ainda não foi finalizada.
Os Agentes de Endemias e Comunitários de Saúde, não receberam porque as contas de convênios da Secretaria de Saúde do Município estão bloqueadas por medidas judiciais referentes à gestão passada. A equipe técnica da Prefeitura de Macapá está fazendo análise técnica desta situação, assim como de cargos comissionados e contratos. A intenção do prefeito Clécio é buscar medidas urgentes para que estes servidores possam receber pelos dias trabalhados.
Nos próximos dias recebem os efetivos que têm conta no Itaú e Unibanco e os que são pagos com recurso do Governo Federal.
Coordenadoria de Comunicação
Prefeitura de Macapá-PMM

Deixe uma resposta