Noite de festejos ao padroeiro do Amapá teve artesanato, cultura e exposição fotográfica

A noite de programação do arraial em festejo a São José, no último sábado, 16, sob a responsabilidade da Prefeitura de Macapá, movimentou a Avenida Mário Cruz em frente da igreja Matriz. Toda a renda arrecadada com a venda de iguarias e bebidas foi revertida para a Igreja.

Após a missa muitas famílias foram prestigiar a programação artístico-cultural iniciada por volta das 20h, com a apresentação do tradicional Grupo de Marabaixo Raízes do Bolão, da matriarca tia Chiquinha, do Curiaú. Além desse grupo, outros artistas passaram pelo palco, cantores do segmento regional como Raule Assunção e Chermont Junior, o sertanejo Adenor Monteiro e o grupo de dança da Escola Princesa Izabel.

Um estande com a exposição fotográfica do Projeto “Comunicação Popular”, da Coordenadoria de Comunicação, esteve entre os espaços mais visitados. O cenário ganhou mais graça e foi repleto de poesia, com os origamis do Movimento Poesia na Boca da Noite. Todos que passavam por lá apreciavam as imagens (retratos da cidade e de gente, tiradas por crianças e jovens dos bairros Novo Horizonte, Nova Esperança e Jardim Felicidade II) e levavam para casa, de presente, um origami com a poesia que mais lhe agradava.

Além da exposição do projeto “Comunicação Popular”, o grupo de Poéticas Visuais Imazônia expôs e comercializou peças de artesãos amapaenses. Algumas peças foram confeccionadas na hora, todas com a temática do padroeiro São José.

Muitas famílias foram prestigiar a noite de arraial no sábado. Quem passou por lá gostou da programação. A senhora Rosa Silva foi acompanhada dos netos e disse que esse resgate aos antigos arraiais é uma boa oportunidade para trazer a família. “Gostei muito das apresentações culturais, espero que nos próximos anos também aconteça o resgate dessa festa tão bonita que é a de São José, também um bom momento para trazer a família”, disse.

Ao som de “Meu São José da beira rio”, a noite de arraial dos festejos de São José foi encerrada com muita música regional, ao comando do cantor Nivito Guedes.

Carol Pessoa- Asscom Fumcult

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.