Bombardeio do regime deixa 18 mortos no noroeste da Síria

Dezoito pessoas morreram neste domingo no bombardeio contra a cidade de Ariha, noroeste da Síria, por parte das forças do regime de Bashar Al-Assad, anunciou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

As forças governamentais abriram fogo a partir da periferia da cidade. Foto: AFP
As forças governamentais abriram fogo a partir da periferia da cidade. Foto: AFP

Dezenas de pessoas também ficaram feridas no bombardeio que atingiu todo o mercado central da cidade.

As forças governamentais abriram fogo a partir da periferia da cidade.

Os confrontos em Ariha começaram no meio da semana, quando as forças rebeldes lançaram uma ofensiva par ampliar o controle da cidade.

Os rebeldes de Ariha postaram um vídeo denunciando uma matança e onde se vê corpos despedaçados e pessoas carregando cadávares.

Mais cedo, o OSDH informou que os corpos de 13 membros de uma mesma família, entre eles seis crianças, mortos por milicianos pró-regime sírio, foram encontrados neste domingo em sua casa em Baida, um localidade da costa síria.

Também informou que intensos combates eram travados perto do aeroporto internacional de Aleppo e de várias bases aérea de seus arredores e que perto de Damasco, um oficial da Guarda Republicana morreu nos combates contra os rebeldes.

Terra

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.