Hospital Samaritano (SP) qualifica profissionais do HCA para atendimento humanizado

Agência Amapá

Equipe do hospital Samaritano de SP em treinamento mais humanizado na UTI do Hospital da Criança e do Adolescente (HCA)O Hospital Estadual da Criança e do Adolescente (HCA)  treina profissionais da saúde para atuarem de forma multidisciplinar ou integrada com pacientes da UTI-pediátrica. O curso iniciado nesta quarta-feira, 14, se encerrará na sexta-feira, 15 é aplicado pela manhã e tarde.

O curso objetiva o trabalho coletivo de profissionais da saúde em prol de um atendimento mais humanizado no HCA. A equipe multidisciplinar do Hospital Samaritano (SP), realiza esse  treinamento para ampliar e integrar as ações de melhoria desse atendimento .Hospital Samaritano de SP qualifica profissionais do HCA para atendimento humanizado

O método multidisciplinar é formado por médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, psicólogo, assistente social, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional, farmacêutico, nutricionista e bioquímico. Essa atuação desses profissionais permite maior  conhecimento de técnicas, além de uma eficiência na troca de informações do paciente, tornando a assistência hospitalar mais qualificada, gerando segurança na hora de tomar um procedimento necessário para a melhoria do paciente.Equipe do hospital Samaritano no HCA

A técnica de enfermagem, Lurdes Lima, participante do treinamento, comenta que esse curso traz uma maior aproximação em grupo. “O engajamento em grupo de diversos profissionais para o tratamento dos pacientes de forma multidisciplinar, potencializa a recuperação dos vitmados ” comenta a técnica.

Katia Jarandilha é coordenadora médica da UTI-Pediátrica do Hospital Samaritano,é uma das ministrantes no HCA. Ela conta que além do método multidisciplinar, o treinamento visa também qualificar a equipe para se relacionar com os familiares dos pacientes.

Este é um outro ponto que HCA vai implantar gradativamente na UTI-pediátrica como forma de aproximar profissionais, família e paciente. O Acompanhante do paciente terá livre acesso a UTI, além de poder estar acompanhando o paciente em todos os procedimentos médicos.

“A Família é um suporte primordial para a recuperação de qualquer paciente, pois ela, com seu apoio emocional traz para o paciente o conforto e ajuda na melhoria” explica a secretária de saúde, Olinda Araújo.

Este treinamento faz parte do programa Proadi, idealizado pelo Ministério da Saúde (MS), e tem como principal objetivo contribuir para o desenvolvimento institucional do Sistema Único de Saúde (SUS).

O programa conta com a parceria de entidades de saúde com reconhecimento de excelência para intervirem em instituições do SUS, dando-lhe suporte em capacitação de profissionais, gerenciamento e intervenção tecnológica.

O HCA foi um dos seis hospitais indicados pelo MS a participar do “Programa de desenvolvimento Organizacional de Apoio a Gestão e a Assistência com ênfase em unidade de terapia intensiva, neonatal e pediátrica”.

Mauro Santos/Sesa

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.