Parte do Imposto de Renda pode ser destinado a projetos sociais

O Projeto Música Para Todos é uma das entidades que podem ser beneficiadas com a arrecadação

Em todo o país, os recursos apurados por meio das declarações são enviados diretamente para os FMDCA. Foto: Ascom
Em todo o país, os recursos apurados por meio das declarações são enviados diretamente para os FMDCA. Foto: Ascom

Com a aproximação do término do prazo legal para realizar a declaração do Imposto de Renda, muitos brasileiros se preocupam em reunir os documentos necessários para prestar contas com a Receita Federal. Entretanto, muitos contribuintes desconhecem a possibilidade de destinar parte do imposto devido a projetos e ações sociais.

O Projeto Música Para Todos é uma das entidades que podem ser beneficiadas com a arrecadação de valores advindos da contribuição das declarações de pessoas físicas e pessoas jurídicas. Em todo o país, os recursos apurados por meio das declarações são enviados diretamente para os Fundos Municipais de Assistência da Criança e do Adolescente – FMDCA.

Para informar o contribuinte sobre a importância e o procedimento de doação, o auditor Fiscal da Receita Federal, José Valter de Oliveira gravou, a convite do Projeto Música Para Todos, um vídeo para a campanha “Faça as Pazes Com o Leão e Com o Seu Coração”. O material estimula e orienta a doação de parte do Imposto de Renda para o FMDCA – Teresina.

José Valter explica que o procedimento de destinação do imposto é simples. “Ao preencher a declaração completa o declarante deve selecionar a guia ‘Resumo da Declaração’ e depois clicar em ‘Doações diretamente na Declaração ECA’. Por fim, o usuário seleciona a opção ‘Fundo Municipal’ e escolhe como local Teresina”.

O valor da doação pode a chegar até 3% do Imposto de Renda devido. As destinações podem ser feitas até o dia 30 de abril, quando termina o período oficial para a declaração do Imposto de Renda.

Capital Teresina

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.