Ouça "Episódio 52 - Notícias da Amazônia ao vivo com Lívia Almeida" no Spreaker.

Delegacia do Patrimônio vai investigar apenas crime de roubo contra empresário

O delegado Glemesson Arandes, da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio, vai investigar a ocorrência relacionada ao roubo efetuado na casa do empresário Satoro Kubota, 42, fato registrado no sábado, 29, na comunidade Goiabal.

De acordo com o delegado, a ocorrência apresentada no plantão do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) do Pacoval, por guarnições de militares do Batalhão de Operações Especiais (Bope), dá conta de que um grupo composto por pelo menos cinco homens invadiram a casa da vítima e permaneceram no imóvel por várias horas em busca de armas de fogo.

Pela manhã a quadrilha fugiu levando diversos objetos, inclusive armas longas, munição, equipamentos fotográficos, entre outros, alegando ser de propriedade de Satoro.

"Nossa responsabilidade será a de descobrir a origem das armas de fogo e a quem realmente pertencem. Por isso, na próxima semana, vamos ouvir o que a vítima tem a dizer sobre esse caso, se armas e demais objetos são dele e comprovar os registros de cada uma, bem como dos demais objetos apresentados pelos militares", ressalta o delegado.

Sobre as cinco pessoas mortas na ocorrência, Glemesson esclarece que serão investigadas provavelmente pela delegacia do bairro, ou seja, a 4ª Delegacia que funciona no Ciosp Congós, Zona Sul de Macapá.

Conheça a coleção da Baiuca do Chico Terra

Publicado por Chico Terra em Sábado, 11 de julho de 2020

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: