Convênio com PMM na ordem de R$ 131 mi para mobilidade urbana de Macapá

O governador Camilo Capiberibe e o prefeito Clécio Luís assinaram convênio na noite desta terça-feira, 30, onde o Governo do Estado transfere o Programa PRO-Transporte do PAC 2, médias cidades, no valor de R$ 131.904.069,09, para mobilidade urbana de Macapá.

O programa consta de intervenções como reforma, adequação e ampliação de terminais existentes, construção de novos terminais, asfaltamento urbano, implantação de ciclovias, implantação de passarelas, implantação de sinalização urbana, implantação de equipamentos de logística e implantação de abrigos.

Na oportunidade, o governador Camilo e o prefeito Clécio assinaram termo de cooperação técnica para a Prefeitura de Macapá acompanhar as obras de pavimentação do programa de mobilidade urbana, que está asfaltando 50 quilômetros de vias na capital com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Atualmente, o Governo do Estado está com frentes de trabalho nos bairros Ipê e Novo Horizonte.

"O Governo do Estado recebeu a confirmação do BNDES de que os projetos de mobilidade para Macapá, Santana e Laranjal do Jari, na ordem de R$ 115 milhões, estão assegurados. Logo, o recurso não poderá ser remanejado. E com esse termo de cooperação, a Prefeitura de Macapá vai poder fazer o acompanhamento e cobrar da próxima gestão para que as obras não parem", assegurou o governador.

Habitação

Por fim, o prefeito Clécio repassou ao Governo do Estado, através de decreto, a área pertencente ao município, que fica às margens da Rodovia Norte/Sul, para a construção de cerca de cinco mil moradias no Conjunto Habitacional Cidade Miracema.

"Aqui fechamos importantes acordos de parceria para continuarmos a melhorar a nossa cidade de Macapá. Queremos agradecer o apoio do governador Camilo e esperamos que esses avanços continuem", ressaltou o prefeito.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.