Ouça "Notícias da Amazônia ao vivo!" no Spreaker.

PF interdita Câmara para fazer buscas em gabinete de irmão de Geddel

A Polícia Federal faz buscas, nesta segunda-feira, no gabinete do deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB), irmão dos ex-ministro Geddel Vieira Lima, que está preso desde setembro passado

A Polícia Federal está na Câmara dos Deputados na manhã desta segunda-feira, em Brasília, onde realiza buscas no sexto andar do anexo IV, onde fica o gabinete do deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA).

O parlamentar é irmão do ex-ministro Geddel Vieira Lima, preso por tempo indeterminado desde setembro, após a Polícia Federal apreender R$ 51 milhões em um imóvel atribuído ao político. Segundo a PF, é a maior apreensão de dinheiro vivo da história da corporação.

A ação ocorre por ordem do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF).
O pedido é da Procuradoria-Geral da República, que investiga a ligação do parlamentar com os R$ 51 milhões – R$ 42.643.500,00 e US$ 2.688.000,00 – encontrados, no início de setembro, em um apartamento em Salvador na Operação Tesouro Perdido, desdobramento da Cui Bono?.

Veja matéria completa no Estado de Minas

Ouça "Notícias da Amazônia ao vivo!" no Spreaker.

O que você pensa sobre este artigo?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: