Educa

Bancos ofertam bolsa de estudo para cursos no exterior

Educa

Contemplados farão curso de inglês

Estudantes que desejam fazer curso de inglês no exterior têm a chance de se inscrever no concurso cultural “Quem Sonha Poupa” e concorrer a cinco bolsas de estudo para cobrir os gastos com a experiência. Poderão concorrer ao intercâmbio jovens de 18 a 24 anos. Para participar, os interessados devem acessar o site www.quemsonhapoupa.com.br e responder a um questionário de 20 questões, com respostas múltiplas.

Em 27 de maio, será divulgado um ranking com os 50 mais bem colocados, divididos em grupos de 10 pessoas por região do Brasil. O resultado levará em conta o maior número de respostas corretas no menor tempo.  Os selecionados deverão realizar a próxima etapa e última do concurso enviando, até 31 de maio, um vídeo inédito com depoimento pessoal, de até dois minutos, onde relatarão o aprendizado com a ação educacional e como pretendem praticar os conhecimentos adquiridos.

O resultado final será divulgado no dia 1º de julho. Os cinco contemplados terão 18 meses para agendar a viagem e o curso de um mês, que deverá ser feito em países de língua inglesa. Em cada região do Brasil, será sorteada uma bolsa no valor de R$ 20 mil cada. No próprio site da ação, os candidatos terão acesso ao material didático com conteúdo diversificado sobre educação financeira, como matérias, vídeos, um e-book sobre o assunto e o “simulador de sonhos”, no qual o usuário descobrirá em quanto tempo vai acumular o dinheiro necessário para concretizar seus planos.

A ação educacional faz parte da programação da 6ª Semana Nacional de Educação Financeira, que ocorrerá entre os dias 20 e 26 de maio, em todo o país. Promovida pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban), a iniciativa é realizada com o apoio do Banco Central para incentivar a educação financeira com foco no ato de poupar e na importância da reserva financeira de médio e longo prazos como forma de realizar sonhos e metas.

“Falo sempre para quem têm condições de bancar esse investimento: vale muito a pena. Além do aprendizado na escola, toda comunicação é feita na outra língua. Para conhecer alguém precisa falar inglês, se for ao supermercado… O idioma é exigido todo tempo. Então, não tem para onde correr”, destaca a jornalista Vanessa Casaes, que já teve a oportunidade de estudar inglês por três meses no exterior.

Agência Educa Mais Brasil

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.