AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Astrônomo amador capta primeira foto de uma estrela explodindo

De acordo com os pesquisadores, a chance de uma descoberta como essa é de 1 em 10 milhões – ou até 1 em 100 milhões

Enquanto abrimos a câmera do celular e tiramos selfies assustadoras por acidente, um astrônomo amador registrou, sem querer, a explosão de uma estrela, evento astronômico conhecido por supernova. O feito foi de Victor Buso, argentino da cidade de Rosario.

O registro foi realizado em 20 de setembro de 2016, quando Buso estava tirando fotos aleatórias com a nova câmera de seu telescópico para conferir a qualidade do eletrônico. Foi assim que ele capturou as primeiras faíscas de uma supernova que saiu de dentro de uma galáxia espiral.

O argentino logo comunicou aos astrônomos profissionais sobre a sorte que tivera, de forma que todos eles miraram na mesma galáxia, conhecida por NGC 613 e que está localizada na constelação Sculptor, a 80 milhões de anos-luz.

Veja mais no site Galileu

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: