“Não trabalhem contra o Brasil”, pede Paulo Guedes

Educa

Às vésperas do início da votação da reforma da previdência, no Senado, o ministro da Economia, Paulo Guedes, pede que o país tenha mais paciência com o atual governo, e que a população “não trabalhe contra o Brasil”.

A fala ocorreu nesta segunda-feira, enquanto o ministro participava da Declaração de Direitos de Liberdade Econômica, no Superior Tribunal de Justiça. Guedes também voltou a defender as reformas como maneira de tirar o Brasil do desemprego e da recessão econômica, mas lembrou que o problema do Brasil não será resolvido apenas com uma reforma, e sim várias.

Guedes também citou a medida provisória da liberdade econômica, enviada ao congresso, pelo governo federal, que deve ser votada nesta terça-feira. A medida, segundo o governo, é para desburocratizar e melhorar o ambiente de negócios no Brasil.

O ministro resumiu a MP em três pilares: a democracia e os mercados; a redução de interferência do governo nas atividades econômicas e, por fim, a garantia da segurança jurídica das empresas.
Da Rádio Nacional em Brasília, Sayonara Moreno

Abertura do Encontro dos Tambores no Amapá

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.