UEAP lança vestibulinho com mais de 300 vagas e 3 fases

Educa

Primeiramente podem se inscrever acadêmicos da própria Ueap que desejam mudar de curso. Seleção será por meio de notas atribuídas a disciplinas a serem creditadas.

 

Por John Pacheco, G1 AP — Macapá

Após edital para justificativa de permanência de acadêmicos com pendências na instituição, a Universidade do Estado do Amapá (Ueap) divulgou processo seletivo especial (PSE) para preenchimento de mais de 300 vagas remanescentes em cursos de graduação.

O vestibulinho será dividido em 3 fases com prioridade para ocupação das vagas em 13 cursos. Inicialmente podem se inscrever acadêmicos da Ueap que desejam trocar de curso.

Em seguida, caso tenham vagas, acontece a transferência externa, destinada a estudantes de outras instituições de ensino, para ocupação de acordo com disciplinas e áreas afins.

E a terceira fase, no caso de ainda restarem vagas, será aberta para o ingresso de diplomados que desejam reingressar em outros curso de graduação.

Não haverá prova de seleção, a escolha será por meio de notas obtidas por curso de opção do candidato, que dará pontos avaliando as disciplinas a serem creditadas. Em caso de empate, a decisão será por: idade; maior número de matérias para crédito e coeficiente de rendimento.

As inscrições serão feitas pela internet, através do site da instituição (ueap.edu.br) com envio dos documentos exigidos para o e-mail: [email protected]

O primeiro prazo é para quem deseja trocar de curso dentro da Ueap, com inscrição on-line entre 2 e 13 de dezembro, com previsão de resultado final em 8 de janeiro. Logo depois serão disponibilizadas as vagas para as fases seguintes.

No edital estão informados os cursos equivalentes e que podem ser compensadas as disciplinas para ingresso ou mudança de graduação. Todas as vagas são para Macapá, com exceção de licenciatura em matemática e engenharia agronômica, onde as aulas acontecem no município de Amapá.

Quadro de vagas

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!
  • Engenharia agronômica – 19 vagas
  • Engenharia ambiental – 49 vagas
  • Engenharia de pesca – 32 vagas
  • Engenharia de produção – 34 vagas
  • Engenharia florestal – 43 vagas
  • Engenharia química – 25 vagas
  • Licenciatura em química – 6 vagas
  • Licenciatura em ciências naturais – 18 vagas
  • Licenciatura em filosofia – 22 vagas
  • Licenciatura em letras – 5 vagas (3 para letras-português; 1 para letras-espanhol e 1 para letras-inglês)
  • Licenciatura em matemática – 10 vagas
  • Licenciatura em pedagogia – 14 vagas
  • Tecnologia em design – 16 vagas

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.