Visando apenas o lucro empresas de ônibus ameaçam paralisar os serviços

Sistema de transporte público pode entrar em colapso em 5 de abril e paralisar os serviços

O Amapá deve acompanhar o colapso dos sistemas públicos de transportes com paralisação dos serviços até 5 de abril. Foi o que confirmou o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros (Setap). A confirmação veio após a NTU, associação que representa mais de 500 empresas de ônibus urbanos e metropolitanos de todo o País, anunciar que a partir de 05 de abril, os sistemas públicos de transportes paralisariam os serviços.

Em nota, a NTU diz que essa parada não será por determinação de prefeitos e governadores, mas porque não as viações não terão dinheiro para pagar salários de motoristas, cobradores e demais funcionários do setor de transportes.

Com as medidas de restrição a circulação de pessoas, recomendadas pela OMS – Organização Mundial da Saúde como a maneira mais eficaz até agora de conter o avanço do coronavírus, a demanda de passageiros tem caído. Além disso, a entidade de empresários de ônibus calcula que 184 cidades já foram obrigadas a suspender o serviço de transporte por decisão do poder público.

“As empresas hoje estão operando com a redução de mais de 50% dos passageiros em média desde o início das medidas de isolamento social, em função do Covid-19, e isso afetou drasticamente a receita do setor”, explica Otávio Cunha, presidente da NTU.

Entre os casos mais críticos, estão as reduções da ordem de 85% em Goiânia (GO), 75% nas cidades do interior de São Paulo, 79% em Porto Alegre (RS), 75% em Salvador (BA) e 70% na região metropolitana de Belo Horizonte (MG) e em Macapá (AP). Algumas cidades que tinham pensado em paralisações totais já estão mudando de ideia.

O Setap também pediu audiências com o governador e o prefeito da capital para buscar alternativas ao problema.

 

Ascom/Setap

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.