MP-AP define campanha que combate a violência contra a mulher em reunião com a coordenadora da Bancada Federal do Amapá

O Ministério Público do Amapá (MP-AP), por meio da titular da 2ª Promotoria de Defesa da Mulher de Macapá, promotora de Justiça Andréa Guedes, nesta quarta-feira (27), reuniu para tratar da campanha “16 dias de ativismo – Dia D de Não Violência contra a mulher”, uma ação que está sendo organizada pela coordenadora da Bancada Federal do Amapá no Congresso Nacional, deputada Aline Gurgel. O encontro foi realizado no complexo Cidadão da Zona Sul, e contou com a participação da assessora parlamentar Neuza Velasco.

A reunião teve o objetivo de discutir ações para combater a violência contra a mulher no Estado, além de programar os atos dentro da campanha para esclarecer e discutir a problemática. Foram definidas ainda, as ferramentas que serão necessárias para produção com conteúdo educativo sobre a temática.

“Essa campanha é de suma importância para a sociedade, esse é um tema que infelizmente ainda é muito recorrente dentro do nosso dia a dia, por isso fico muito feliz de estar representando o Ministério Público nessa programação. Tenho certeza que iremos realizar uma grande ação para que todas as informações e recursos de prevenção possam chegar às mulheres que sofrem violência”, afirmou Andréa Guedes.

Durante o período da campanha, o MP-AP irá lançar uma cartilha técnica, didática para a sociedade. Nela, será pontuada toda a Rede de Atendimento (RAM) e como as mulheres podem procurar ajuda contra as violências física, sexual, moral e psicológica sofridas, inclusive onde funcionam os atendimentos prioritários e específicos da RAM, como os hospitais, delegacias, Defensoria Pública e o próprio MP-AP, em todos os municípios, entre outros.

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: