Sobe para 153 o número de municípios em estado de emergência na Bahia

Segundo Defesa Civil, chuvas no estado deixaram 33.247 desabrigados, 57.243 desalojados, 517 feridos e 25 mortos

Segundo dados da Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec), divulgados na última sexta-feira (31), o número de municípios na Bahia em estado de emergência aumentou de 151 para 153, por conta das fortes chuvas no estado.

Além disso, o número de cidades afetadas pelas enchentes na Bahia subiu para 165. Segundo a Defesa Civil, as chuvas no estado deixaram 33.247 desabrigados, 57.243 desalojados, 517 feridos e 25 mortos.https://1f82d695608a78caaaaedeea8b1a58df.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

Leia também: Postos médicos do Réveillon na praia de Copacabana vacinam 370 pessoas contra a Covid-19

Não foram registrados óbitos no último dia de 2021. Até o momento, 14 municípios da cidade já registram um ou mais óbitos, sendo eles Amargosa (2), Itaberaba (2), Itamaraju (4), Jucuruçu (3), Macarani (1), Prado (2), Ruy Barbosa (1), Itapetinga (1), Ilhéus (3), Aurelino Leal (1), Itabuna (2), São Félix do Coribe (2) e Ubaitaba (1).

Nesta semana, o presidente Jair Bolsonaro (PL) tentou justificar sua ausência para prestar solidariedade às vítimas das chuvas na Bahia. Segundo o Presidente da República, sua visita ao estado implicaria em mais gastos no cartão corporativo. “Se eu vou, criticam. Se eu não vou, criticam”, apontou.

Em transmissão ao vivo nas redes sociais, o chefe do executivo, que está de de recesso, acrescentou que os governos Federal e Estadual têm “interagido” desde o início das chuvas e desdenhou da tentativa de ajuda argentina. “Que ajuda é essa? Dez homens”, questionou.

Leia também: Vacinação contra Covid-19 em São Paulo está suspensa neste sábado (1º)

Via Cultura

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: