AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Amapá comemora 33 dias sem vítimas fatais no trânsito

Em quase um mês de operações o Batalhão de Transito da Polícia Militar (BPTran) alcançou a marca de 33 dias sem registrar nenhuma vítima fatal em acidentes de trânsito. O número é resultado nova política de policiamento ostensivo e preventivo adotada pela Polícia Militar em 2015.

De acordo com o diretor do BPTran, tenente-coronel Paulo Serrão, é a primeira vez em quatro anos que o batalhão estabelece uma marca tão expressiva. "Isso só foi possível graças a decisão de transformar o que antes era considerado operação, em ações policiais rotineiras em todo o Estado", afirmou.

Ele destaca que as ações são preventivas e trabalham pela conscientização da população quanto aos riscos e consequências da imprudência no transito. "Estamos tendo um ótimo retorno da população, que está demonstrando maior consciência. Percebemos uma diminuição nos casos de embriaguez e imprudência ao volante", explicou.

A ação faz parte do Plano de Segurança anunciado pelo secretário de Estado da Justiça e Segurança Pública, Gastão Calandrini, para coibir os crescentes números da violência no Amapá.

Segundo o tenente-coronel as ações se tornarão cada vez mais constantes. A ideia agora é efetuar uma grande operação no fim de semana após o pagamento Estadual, período em que foi identificado maior incidência de acidentes, e se mantenha durante as semanas seguintes, em escalas menores. "Vamos manter todo nosso destacamento nas ruas para prosseguir garantindo a segurança do cidadão amapaense", garantiu Serrão.

As operações são realizadas simultaneamente nos municípios de Macapá, Santana, Porto Grande, Laranjal do Jari e Oiapoque e dividida em dois momentos: o de ações preventivas, com policiais nas ruas, seguido por ações repressivas.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: