AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Erosão ameaça posto médico da Vila Progresso no Bailique

O único posto médico que serve as comunidades de Vila Progresso e Vila Macedonia no arquipélago do Bailique no Amapá está seriamente ameaçado de desabar devido a erosão que vem sofrendo a comunidade que fica no rio marinheiro.

Uma das prováveis causa pode ser o varadouro feito pelos búfalos no Rio Araguari, que provocou a mudança da pororoca das imediações do Município de Cutias para as proximidades do Bailique. Daí, diversas comunidades do Arquipélago do Bailique, sofrem as consequências, dentre elas, a Vila Progresso, que parece ser, a mais castigada.

A assessoria da Prefeitura de Macapá, não sabe informar quanto tempo se passou até o problema atingir a atual situação, mas garante que sob orientação do Prefeito Clécio, equipe com técnicos da Prefeitura de Macapá (SEMOB e SEMSA) saíram no sábado de manhã para o Bailique, com a tarefa de acompanhar a situação e já ver as medidas a serem tomadas.

A maior preocupação é com o trapiche que dá acesso à Vila Progresso.

Posto de saúde de Vila Progresso no Bailique
Posto de saúde de Vila Progresso no Bailique. Foto realizada hoje e enviada por morador da Vila Progresso

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: