Chuva abre buraco na BR-156 e isola Oiapoque por quatro dias, diz Dnit

Educa
oiapoque
Chuva abriu buraco em rodovia e isolou Oiapoque, no Amapá (Foto: Adolfo Santos/Arquivo Pessoal)

A chuva que caiu na região serrana de Oiapoque, a 590 quilômetros de Macapá causou a abertura de um buraco de cinco metros na BR-156 neste sábado (2), deixando o acesso ao município interditado. Equipes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) estão no local para orientar o trânsito. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) no Amapá informou que a empresa contratada para manutenção da estrada está com funcionários no local para iniciar os trabalhos. O serviço deve seguir até quarta-feira (6), segundo previsão do órgão.

O buraco aberto na rodovia federal encontra-se a 90 quilômetros da sede do município de Oiapoque. A região fica às proximidades do rio Cassiporé e apresenta oscilações no terreno. A cratera abrange toda a largura da BR-156.

Segundo o Dnit, uma equipe iniciou os primeiros reparos na tarde de sábado (2) e outra deve chegar no local do ocorrido por volta de 1h da madrugada de domingo (3) devido as condições da estrada. A previsão é que seja autorizado o trânsito de pessoas para trocar de veículos de uma margem a outra do buraco a partir da tarde de domingo. O tráfego de carros deverá ser liberado somente a partir da tarde de quarta-feira ou manhã do dia seguinte.

“Tem uma equipe no local e mandaremos uma outra especializada. A chuva foi muito intensa e causou a erosão, interrompendo o trânsito totalmente. Não passa nada. A Polícia Rodoviária também foi acionada para isolar a área. A previsão é que no domingo as pessoas possam trocar de veículos de um lado para outro do buraco e o trânsito de carros na quarta-feira ou quinta-feira porque é um trabalho difícil e sem comunicação”, disse o superintendente do Dnit no Amapá Fábio Vilarino.

G1/Amapá

Abertura do Encontro dos Tambores no Amapá

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.