AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Chuva atinge 166 dos 184 municípios do Ceará

Chove hoje (22) em quase todas as cidades do Ceará. Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), há precipitações em 166 dos 184 municípios.
O maior volume de chuva foi registrado no Crato (a 507 quilômetros de Fortaleza), 108 milímetros (mm). Segundo o Secretário de Meio Ambiente e Controle Urbano da cidade, Stephenson Ramalho, não houve ocorrências graves de alagamento ou deslizamentos.

De acordo com Ramalho, a chuva no município está acima da média histórica, mas ocorre com baixa intensidade. “É essa a chuva que nos interessa, com escoamento superficial lento e com infiltração, para que haja recarga dos aquíferos.”

Depois de Crato, os maiores volumes de chuva foram registrados em Quiterianópolis (a 409 km da capital), com 104 mm, e em Aquiraz (Região Metropolitana de Fortaleza), com 92 mm.

Fortaleza registrou pouca chuva e o sol apareceu no fim da manhã. Ontem (21), a cidade chegou a registrar 95mm. A Defesa Civil do município contabilizou 82 ocorrências, entre elas 33 alagamentos e 9 desabamentos.

A chuva que atinge o Ceará desde o começo do mês é resultado de um fenômeno chamado Vórtice Ciclônico de Altos Níveis. Segundo a Funceme, esse fenômeno é típico da pré-estação chuvosa, mas não tem relação com ela. No estado, a chamada quadra chuvosa vai de fevereiro a maio. A fundação prevê que essas condições se mantenham até meados de fevereiro.

As águas já estão ajudando a recarregar alguns pequenos reservatórios. Em Saboeiro (a 425 km de Fortaleza), o açude Caldeirões atingiu 100% de sua capacidade.

Edwirges Nogueira – Repórter da Agência Brasil Edição: Juliana Andrade

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: