Começa nesta segunda (25) o Festival Latinidades em Brasília

Segunda-feira (25) é o Dia Internacional da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha. A data é uma oportunidade para dar visibilidade à luta das mulheres negras para além da desigualdade de gênero. Do dia 25 a 31 de julho, acontece no Museu Nacional, na Esplanada dos Ministérios, e no Cine Brasília, a 9ª edição do Festival Latinidades. O evento se consolidou como o maior festival de mulheres negras da América Latina, promovendo sob a temática afro diálogos e intercâmbio cultural entre estados brasileiros e outros países.

A nona edição tem como tema a comunicação, incitando olhares sobre o marketing, o jornalismo e as redes sociais. O evento ressalta a importância do fortalecimento das mídias negras, da produção intelectual de negras e negros em torno da produção de conteúdos. A partir deste tema, o Festival Latinidades destacará ainda o protagonismo de mulheres negras na comunicação.

Todos os anos, o Latinidades oferece música, dança, teatro, literatura, formação, capacitação, empreendedorismo, ações ambientais, responsabilidade social, economia criativa, comunicação e reflexão. A programação desta edição traz mesas de debates, oficinas, shows, mais de 15 lançamentos literários, batalha de poesia, feira, shows, exibição de filmes, entre outras ações.

Confira no player acima a conversa com a coordenadora, Bruna Pereira, que conta mais sobre a programação do Latinidades. Entre os convidados participantes nas mesas e debates estão intelectuais, jornalistas, produtores culturais, como Luciana Barreto (Repórter Brasil Tarde/TV Brasil), Valéria Almeida (Globo Repórter /TV Globo), Maíra Azevedo (Jornal A Tarde – BA), Hendi Pontiac (África do Sul), Djamila Ribeiro (Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo), Sueli Carneiro (Geledés Instituto da Mulher Negra), Eliane Dias (Boogie Naipe/Racionais MC’s), Jean Yves Bassangna (Camarões), Monique Evelle (Desabafo Social), entre outros nomes.

SERVIÇO
Festival Latinidades – 9ª edição
Dias: 25 a 31 de julho de 2016 (segunda-feira a domingo)
Local: Cine Brasília (25/7, 19h) – EQS 106/107 – Asa Sul, Brasília/DF
Museu Nacional – SCTS 2 – SHCS, Esplanada dos Ministérios, Brasília/DF
Entrada gratuita
http://www.afrolatinas.com.br

Os domingos começam com muita informação e debates sobre sustentabilidade nas Rádios EBC. É o Natureza Viva, que, a partir da Nacional da Amazônia abre espaço nas ondas sonoras das rádios Nacional de Brasília, Nacional do Rio de Janeiro, Nacional do Alto Solimões e MEC AM Rio para discussões entre lideranças rurais da Amazônia, como ribeirinhos, pescadores, seringueiros, quebradeiras de coco babaçu, trabalhadores extrativistas, indígenas, associação de jovens e de mulheres, além de dicas para preservação do meio ambiente. Conheça um pouco mais sobre os biomas brasileiros nesta grande rede, todo domingo, às 08h – e no horário local da Nacional do Alto Solimões às 06h. A apresentação é de Mara Régia.

 

Produtor
Patrícia Fontoura
EBC

Para adquirir o e-book "Fotografia da Amazônia" basta contactar o fotógrafo pelo WhatsApp no (96) 3333-4579. A coletânea está no valor de R$ 30.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: