Mais de oito milhões de bolívares são apreendidos no Pará

Educa

Maíra Heinen

A Polícia Federal apreendeu, nessa terça-feira (9), cerca de oito milhões e meio de bolívares na posse de três brasileiros, no Pará. A quantia apreendida da moeda oficial da Venezuela equivale a cerca de R$ 2,5 milhões.

Os suspeitos foram surpreendidos em uma barreira da Polícia Militar, em Conceição do Araguaia (PA). O grupo foi levado à Delegacia da Polícia Federal, em Redenção (PA).

Um deles afirmou que o dinheiro tem como origem o pagamento de uma compra de terras, no Jalapão (TO), mas não apresentou documentação que comprovasse o negócio, alegando que a suposta fazenda não possuía escritura.

Segundo o delegado da Polícia Federal Josiel Brito, os suspeitos informaram que o dinheiro da compra de terras foi recebido de outro brasileiro que estaria na Venezuela. Ele classificou a situação de misteriosa.

“[Eles] Receberam esse dinheiro, de acordo com as investigações que estão em curso, de um outro brasileiro que reside na Venezuela. Portanto, uma situação bastante misteriosa e que merece maiores esclarecimentos, principalmente devido a esse derrame de uma moeda que vem se desvalorizando cambialmente, num país que vive alguma instabilidade”, afirmou o delegado.

Os bolívares foram encaminhados a uma instituição bancária e vão ficar guardados até que os fatos sejam esclarecidos.

A Polícia Federal vai investigar a possível prática do crime de lavagem de dinheiro. Os suspeitos foram liberados após prestarem esclarecimentos.

EBC

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.