AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

ONG liberta elefante escravizado há 51 anos e leva a santuário na Índia

Um elefante foi libertado por uma ONG de proteção aos animais depois de viver 51 anos de exploração no interior da Índia. Capturado por caçadores quando ainda era jovem, Gajraj foi vendido para ser escravizado. Passou a maior parte da vida preso. Aos 70 anos, foi cruelmente abandonado para morrer acorrentado a uma árvore.

Um vídeo da ONG Peta (Pessoas pelo Tratamento Ético dos Animais) mostrou em abril a situação de estresse do animal, o que comoveu internautas e motivou uma campanha pela libertação do gigante. Gajraj balançava a cabeça constantemente, um comportamento que especialistas avaliavam como sinal de depressão. O animal também apresentava abscessos pelo corpo.

O animal foi resgatado na semana passada pela ONG Wildlife SOS em Aundh, na cidade indiana de Pune. Toda a saga foi registrada pelo Facebook da entidade, que enfretou resistência de moradores da região e precisou da ajuda da polícia para concluir a viagem de 1,5 quilômetro.

Gajraj foi abrigado no Centro de Conservação e Cuidado de Elefantes da Wildlife SOS, na cidade de Mathura.

Mais informações no site Extra

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: