Polícia apreende 70 aves silvestres e aplica multa em R$ 420 mil em SP

Foram resgatados 46 filhotes de papagaio-verdadeiro, 14 filhotes de coruja-buraqueira e coruja-da-igreja, três carcarás e sete gaviões; Aves seriam vendidas na capital

Dois homens foram multados em R$ 420 mil por crime ambiental, ao serem flagrados transportando 70 aves da fauna silvestre brasileira, na tarde de segunda-feira, 23, em Rosana, extremo oeste do Estado de São Paulo.

Os pássaros, alguns ameaçados de extinção, seriam vendidos na capital. As aves estavam acondicionadas em caixas, no interior de um carro, parado durante fiscalização da Polícia Militar Rodoviária, na Rodovia Arlindo Bettio (SP-613). O veículo procedia do Estado de Mato Grosso do Sul.

Os policiais resgataram 46 filhotes de papagaio-verdadeiro, 14 filhotes de coruja-buraqueira e coruja-da-igreja, três carcarás e sete gaviões.

Ouvido na delegacia da Polícia Civil, em Rosana, o motorista alegou que havia sido pago apenas para fazer o transporte das aves. Ele e o homem que o acompanhava foram indiciados por crime ambiental e foram liberados.

Os filhotes foram entregues à Polícia Militar Ambiental e seriam destinadas a um criadouro autorizado, já que, sem a proteção dos pais, as pequenas aves não sobreviveriam na natureza.

Veja íntegra no site TNH 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.