AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Dado início à Campanha dos 16 Dias de Ativismo contra a Violência em Macapá

Iniciou na manhã desta terça-feira, 21, às 9h, na Câmara de Vereadores, a Campanha Mundial dos 16 Dias de Ativismo contra a Violência. A finalidade é promover o debate e denunciar especialmente a violência contra as mulheres e a população negra. Neste ano, a agenda organizada pela Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres (CMPPM) conta com atividades no período de 21 de novembro a 7 de dezembro.

A coordenadora municipal de Políticas Públicas para Mulheres, Anne Pariz, destaca a preocupação da Prefeitura de Macapá em dialogar esses temas com a sociedade e de prevenir as práticas de violência contra a mulher dentro das famílias. “A campanha visa o combate à violência contra a mulher. Nesse período tem algumas datas importantes, como o dia 25, que é o Dia do Combate à Violência contra a Mulher. Nós, do Município, compreendemos que temos que fazer uma agenda significativa com essas mulheres, alertando e trabalhando isso com elas”, enfatizou.

A ativista do movimento social de mulheres negras de Macapá, Rejane Soares, destaca sobre a importância da representatividade feminina no município e na câmara. “Enquanto mulher negra, não me sinto representada aqui nesta Casa. O que nós, mulheres, precisamos é de mais sensibilidade dos senhores vereadores para ajudar a fortalecer as políticas públicas para as mulheres dentro do nosso município”, disse.

Os 16 dias de Ativismo

É uma campanha mundial que abrange datas como o Dia da Consciência Negra (20 de novembro), o Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher (25), o Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres (6 de dezembro) e o Dia Internacional dos Direitos Humanos (10 de dezembro).

Cliver Campos

Assessor de comunicação/CMPPM

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: