AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Ataques na região de Guta Oriental, na Síria, matam 5 e ferem 200

Pelo menos cinco pessoas morreram hoje (21) e duzentas ficaram feridas por conta de novos ataques aéreos – incluindo o lançamento de barris de explosivos – e de artilharia contra diferentes áreas da região de Guta Oriental, o principal feudo opositor dos arredores de Damasco, na Síria, de acordo com o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

As mortes ocorreram após o lançamento de dois barris de explosivos por parte de helicópteros contra a cidade de Kafr Batna. Houve feridos nesta região, além de Arbín, Ain Tarma e Saqba. O observatório acusou as forças aéreas síria e russa, bem como a artilharia do governo, pelos ataques.

Helicópteros jogam barris de explosivos

Os aviões de combate efetuaram dois bombardeios em Saqba, enquanto helicópteros jogaram barris contra Hazrama, Al Nashabie e Otaya, onde as tropas governamentais lançaram também 105 foguetes, disse a mesma fonte. Além disso, aviões que podem ser russos bombardearam Haza e Zamalka.

Ontem à noite, mais de cem foguetes atingiram Otaya, Hazrama e Al Nashabie, revelou o observatório. Desde o último domingo, pelo menos 251 pessoas morreram, entre elas, 58 menores, em ataques aéreos e da artilharia em Guta Oriental.

Veja mais no site EBC

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: