AMAZÔNIA BRASIL RÁDIO WEB

Centro Cândido Portinari vai realizar evento em homenagem ao Dia do Desenhista

Além da homenagem, o evento, que vai ocorrer no dia 13 de abril, tem como foco arrecadar doações para aquisição de livros para a biblioteca do Centro. 

Lívia Almeida – Da Redação, com informações do Blog do Centro Cândido Portinari.

Artista Jorron com quadro doado para o evento. Foto: Adriane Corrêa

No dia 13 de abril, o Centro de Educação Profissional em Artes Visuais Cândido Portinari vai realizar um evento para homenagear os desenhistas.

A data comemorativa do Dia do Desenhista é no dia 15 de abril, mas o evento vai acontecer antes e tem o objetivo de arrecadar doações para compra de livros para a biblioteca do Centro.

As doações serão arrecadadas através da venda de obras de artistas locais, que estarão em exposição. Professores e a gestão do Cândido Portinari estão se mobilizando para conseguir as doações e até o momento desta publicação artistas como Igum Djorje, Jorron e Carla Marinho já fizeram suas contribuições. Vale ressaltar que o Centro ainda está aceitando doações de outros artistas, tanto desenhistas como artistas plásticos.

Além da exposição também vão acontecer oficinas de manga, carvão e aquarela.

Obra doada pelo artista Igum Djorge. Foto: Adriane Corrêa

Também serão feitas caricaturas ao vivo, demonstração de técnicas de desenho e pintura, pintura de rosto e música ao vivo com músicos locais.

O Centro

Reprodução Blog Cento Cândido Portinari

Segundo a professora Adriane Corrêa, a homenagem também “é uma forma de divulgar o Centro e manter viva a história do Portinari. É um esforço da gestão e principalmente dos professores”.

Sabemos que o Centro Cândido Portinari foi um projeto inovador na história do estado do Amapá. Idealizado pelo artista plástico R. Peixe a fim de contribuir com a formação de artistas locais, ainda em 1973. Neste mesmo ano o governo da época assinou a lei que criou a Escola de Artes Cândido Portinari.

O auge do projeto foi quando, após ocupar espaços cedidos, passou a funcionar em um prédio próprio no Centro da cidade, a partir do ano de 1983. O Cândido Portinari chamava atenção não somente por formar artistas excepcionais de forma gratuita, mas também pelo prédio que possuía uma arquitetura diferente e por promover as artes visuais.

No entanto, nas últimas décadas o local, que passou a ser Centro de Educação Profissional em 2008, foi esquecido pelas autoridades públicas vivendo momentos de fechamento, reforma de prédio, assaltos e falta de materiais. Não fosse pelo esforço do corpo técnico e docente deste local e dos artistas amapaenses, muitos alunos não teriam mais a chance de crescer e aprender técnicas artísticas, sendo uma grande perda para a cultura local. Atualmente o Cândido Portinari funciona em um prédio alugado no bairro do Buritizal, enquanto a sede passa por uma modernização que já dura anos.

Hoje o local ainda contribui no fomento às artes visuais no Amapá, através de diversos cursos, que valorizam o artista local.

Ser visto e valorizado: esse é um fator fundamental para o Cândido Portinari hoje. Como ressalta a professora Adriane, “Nosso prédio está abandonado. Depois desses eventos vamos lutar para retomar nosso antigo prédio. A escola está se reestruturando e vai avançar muito agora. Estamos confiantes!”

O evento realizado pelo Centro Cândido Portinari vai acontecer das 10h às 21h no Macapá Shopping e é aberto ao público.

SERVIÇO
EVENTO EM HOMENAGEM AO DIA DO DESENHISTA – CENTRO EDUCAÇÃO PROFISSIONAL EM ARTES VISUAIS CÂNDIDO PORTINARI
Data: 13 de abril
Horário: 10h às 21h
Local: Macapá Shopping (Rua Leopoldo Machado – Bairro Trem)
Entrada Gratuita

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: