Campanha de Vacinação contra Gripe inicia com prioridade para idosos nesta segunda, 23

A Prefeitura de Macapá dará início à etapa nacional de vacinação contra gripe, nesta segunda-feira, 23. Em atenção ao Decreto 1.627/2020, que trata das medidas de precauções contra o Coronavírus, a campanha terá uma estratégia diferenciada fora das unidades de saúde, começando pelo grupo prioritário dos idosos a partir de 60 anos e profissionais da saúde.

Para evitar aglomerações, a vacinação será realizada nas quadras de 18 escolas municipais e com limite de atendimento diário. “Nosso desafio é fazer a campanha com segurança e evitando aglomerações. Por isso, utilizaremos as quadras das escolas municipais próximas às unidades de saúde, que são amplas e têm circulação de ar, para evitar levar essas pessoas para dentro das UBS’s”, informa a coordenadora de Imunização, Jorsette Cantuária.

A antecipação nacional da campanha tem como objetivo facilitar e acelerar o diagnóstico da Covid-19. “É importante destacar que a vacina não protege contra o novo Coronavírus, mas sim contra tipos de influenza. Justamente por isso pode ajudar no diagnóstico por eliminação dos profissionais de saúde com suspeita de Covid-19”, explica a secretária de Saúde, Silvana Vedovelli.

Do ponto de vista epidemiológico, as crianças são consideradas multiplicadoras de vírus respiratórios e, por isso, para a imunização delas ocorrerá um intervalo duas semanas entre uma fase e outra. Na segunda fase da campanha, que começa dia 16 de abril, entram os professores, profissionais das forças de segurança e salvamento, além dos doentes crônicos.

A partir de 9 de maio, dia D de vacinação, serão vacinadas as crianças de seis meses a menores de seis anos (5 anos, 11 meses e 29 dias), pessoas com mais de 55 anos, gestantes, mães no pós-parto (até 45 dias após o parto), população indígena e portadores de condições especiais. A campanha seguirá até 23 de maio.

A vacinação dos idosos nas escolas municipais acontecerá nos turnos da manhã e tarde, com a aplicação de 90 doses em cada turno. Já as Equipes de Saúde da Família farão a administração das doses nos pacientes acamados dentro de suas áreas de cobertura.

Confira, de acordo com a unidade de saúde de referência, o ponto de vacinação:

UBS Álvaro Correa – EMEF Josafá Aires da Costa

UBS Infraero II – EMEF Vera Lúcia Pinon

UBS Marcelo Cândia – EMEF Jardim Felicidade

UBS Novo Horizonte – EMEF Raimunda da Silva Virgulino

UBS Pacoval – EMEF Eunice das Chagas

UBS Perpétuo Socorro – EMEF Maestro Miguel

UBS Cidade Nova – EMEI Ana Cristina Ramos Brito

UBS São Pedro – EMEF Amapá

UBS Rubim Aronovitch – EMEF Antônio Barbosa

UBS Rosa Moita – EMEF Aracy Nascimento

UBS Coração – EMEF Goiás

UBS Marabaixo – EMEF Raimunda de Lima Guedes

UBS Raimundo Hozanan –EMEF Paraíso das Acácias

UBS Congós – EMEF Ana Luiza de Souza Moraes

UBS Lélio Silva – EMEF Roraima

UBS Pedrinhas – EMEF Wilson Malcher

UBS Leozildo Fontoura – EMEF Maria Bernadete Nascimento

Policlinica Unifap – EMEF Neusona

UBS Pedro Barros – EMEF Caetano Dias Tomaz

UBS Brasil Novo – Unidade de Polícia Comunitária Brasil Novo

Jamile Moreira

Amazônia Brasil Rádio Web ao vivo!

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.