Feira Norte do Estudante concorre a prêmio nacional para iniciativas de alto impacto

Educa

Um dos maiores eventos de educação e empregabilidade da Região Norte, a Feira Norte do Estudante (FNE), realizada em Manaus, foi indicada para concorrer ao Creator Awards em sua primeira edição no Brasil. A premiação reconhece iniciativas de alto impacto, lideradas por pessoas ou organizações de diferentes áreas.

A feira foi criada em 2010 e reúne anualmente mais de 30 mil jovens em busca de orientação vocacional, atualização ou reposicionamento no mercado de trabalho. A programação é oferecida de forma gratuita e inclui palestras, oficinas, shows, atividades culturais, entre outras ações.

No Creator Awards, o projeto concorre na categoria Prêmio Empreendedor, direcionado para startups, empreendedores e corporações estabelecidas que tenham planos de ir mais longe.

A coordenadora da FNE, Inês Lima Daou, destaca a importância de disputar à premiação, que ocorre no mês de agosto, em São Paulo.  “Essa é uma excelente oportunidade para mostrarmos para todo o país um projeto que tem feito a diferença no Amazonas. A escolha da carreira profissional pode não ser uma tarefa fácil para os jovens. Entre questões como curso, universidade, remuneração, perspectivas de mercado e influência de pais e amigos, é necessário saber o que levar em consideração. O objetivo da Feira Norte do Estudante é ajudar nesse processo, garantido as informações necessárias para que os jovens tomem decisões conscientes”, explica.

A FNE chega à sua nona edição nos dias 26, 27 e 28 de setembro, no Manaus Plaza Centro de Convenções. Além das atividades culturais e palestras, os visitantes terão acesso aos principais agentes de educação e empregabilidade da capital, entre eles, universidades, cursos técnicos e profissionalizantes, escolas de idioma, empresas de estágio e seleção. Mais informações podem ser obtidas no site:www.feiranortedoestudante.com.br.

Sobre o prêmio

O Creator Awards é realizado pela rede global de espaços de trabalho WeWork e distribuirá mais de R$ 2 milhões em prêmios e investimentos. O objetivo é incentivar que empreendedores, negócios de pequeno porte, empresas em desenvolvimento, ONGs e artistas possam levar adiante os seus projetos e contribuam para fazer a diferença. A premiação foi criada em 2017 e já teve edições promovidas em sete países.

Abertura do Encontro dos Tambores no Amapá

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.