Educa

Pai suspeito de matar filha queria que família retirasse denúncia de estupro: ‘Até pediu desculpa’, diz mãe

Homem tinha saído da prisão, por ter estuprado a cunhada, horas antes de cometer o crime em São Roque (SP). Mãe de Letícia Tanzi, de 13 anos, pede Justiça e espera que ele seja preso.

Ainda sem entender a tragédia que se abateu sobre sua família, Tamires Tanzi, mãe da adolescente de 13 anos morta a facadas, pede justiça e espera que o ex-companheiro, suspeito de ter cometido o crime, seja encontrado e preso. “Ele não pode ficar impune de novo, não. Matar a própria filha? Isso não se faz”, desabafa.

Letícia Tanzi foi morta na madrugada de quarta-feira (3), em São Roque (SP). O corpo da menina foi enterrado na manhã desta quinta-feira (4), no Cemitério Cambará, em São Roque.

Polícia de SP procura pai suspeito de assassinar a filha depois de ser acusado de estupro

O pai da vítima, Horácio Nazareno Lucas, de 28 anos, está desaparecido desde o crime. Ele havia deixado a prisão horas antes. O homem foi preso em junho deste ano por um mandado expedido pela Justiça devido à condenação de oito anos por estupro contra a cunhada dele em 2010, que tem transtorno mental.

Veja mais no G1

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: