Educa

Cursos de Recursos Humanos foram os mais avaliados no Enade 2018

RH, Logística e Processos Gerenciais tiveram maiores números de inscritos

A área de Gestão de Recursos Humanos foi a mais avaliada entre os Cursos Superiores de Tecnologia (CST) habilitados para o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes – o Enade 2018. Foram 589 graduações analisadas por meio de 23.706 (futuros) tecnólogos, que representaram 4,3% de todos participantes do exame. Em seguida, apareceram os 378 cursos de Logística, com 12.453 participantes (2,3%) e os 258 cursos de Processos Gerenciais, com 10.663 (2%).

A lista das cinco graduações com a maior quantidade de inscritos é finalizada com os CSTs em Marketing, com 229 cursos avaliados e 7.014 participantes (1,3%); e Gestão Financeira, com 228 cursos analisados por meio de 6.250 pessoas (1,1%). Todas pertencem ao eixo tecnológico de Gestão e Negócios, definido pelo Ministério da Educação (MEC) no Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia (CNST).

Os dados foram divulgados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Conheça as graduações com o maior número de avaliados no Enade 2018:

Recursos Humanos: o que faz?

Cabe ao profissional formado em Gestão de Recursos Humanos gerenciar a relação entre as pessoas e as organizações onde trabalham. Além disso, estabelecem as melhores estratégias para desenvolver e gerenciar planos de carreira de funções variadas.

O curso de Gestão de RH dura, em média, 1,6 mil horas. Durante a formação, o tecnólogo aprende sobre questões trabalhistas e temas como: liderança, negociação, contabilidade, ética, legislação e informática. Saiba aqui quanto ganha um gestor de Recursos Humanos.

O Gestor de Recursos Humanos pode atuar em empresas em geral (indústria, comércio e serviços), órgãos públicos, empresas de planejamento, desenvolvimento de projetos, prestar assessorias técnicas e trabalhar em institutos de pesquisa e de ensino.

Faculdade de Logística

O curso de Logística tem carga horária de 1,6 mil horas. Durante o curso, o futuro tecnólogo aprende legislação aduaneira, comércio exterior, gestão de qualidade, modais de transporte, logística internacional e diversos outros pontos importantes para o exercício da profissão.

O tecnólogo trabalha para a promoção da segurança, lida com clientes e fornecedores, além de articular sistemas de manutenção, suprimento, nutrição e atividades financeiras. De acordo com o catálogo do MEC, o mercado de trabalho de Logística permite que o profissional atue em centros de distribuição, empresas (indústria, comércio e serviços), portos, aeroportos, terminais de transporte, institutos de pesquisa e centros de ensino.

O CNST associa o curso a outras ocupações, segundo a Classificação Brasileira de Ocupações (CBO): o Tecnólogo em logística de transporte, o Gerente de logística (armazenagem e distribuição), o Diretor de suprimentos e Diretor de operações de serviços de armazenamento.

Processos Gerenciais vale a pena?

O curso de Processos Gerenciais vale a pena para profissionais que se interessam por gerir empreendimento e, não por acaso, a graduação é similar à Gestão de Negócios ou à Gestão de Pequenas e Médias Empresas.

É importante que o tecnólogo em Processos Gerenciais tenha interesse em aprender sobre marketing e vendas, logística, pequenas e médias empresas. O papel do profissional inclui a otimização dos recursos organizacionais, o que está relacionado ao desenvolvimento e à gestão dos processos logísticos, financeiros.

O profissional de Processos Gerenciais pode trabalhar em empresas de planejamento, desenvolvimento de projetos, assessoramento técnico e consultoria; empresas em geral (indústria, comércio e serviços); institutos de ensino e centros de pesquisa.

 

Tunísia Cores – Ascom Educa Mais Brasil

Dê sua opinião, não fique calado!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: